Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

Dia 30 do corrente mês de novembro, um sábado, Ingá se mobiliza para comemorar o aniversário de Vavá da Luz, secretário de turismo da Prefeitura, blogueiro, comedor de cobra e cabra altamente arretado. Neste dia, fazendo parte das bebemorações natalícias de Vavá,estarei lançando “A Guerra de Princesa” naquelas plagas. Vavá já disse que só entra na festa dele quem comprar o livro. Quem não comprar vai ficar espiando de longe, vendo com os olhos e lambendo com a testa.
**
Não adianta piadinhas, recadinhos cifrados e outras leseiras, porque isso é coisa corriqueira na minha vida. Quem faz isso não passa de menino mimado, que ainda mija na cama e come gagau de manhã, com mamadeira e tudo.
**
Choveu em tudo quanto foi lugar e não choveu em Princesa. Vamos lá, São Pedro, bote uma aguinha pra nós também, antes que o açude seque e o povo fique lambendo os beiços rachados, esperando a morte chegar.
**
Sei não, mas creio que, conhecendo os antecedentes, não será demais achar que existe fogo de monturo por debaixo daquele paiol de cabelos.
**
Os deputados que perambulam com a caravana da saúde vão se tratar no Sirio Libanês quando sentem uma dor na unha do dedão.
**
Dia 20 agora , no Carpe Diem, em Brasilia, “A Guerra de Princesa” terá lançamento com direito a presenças ilustres de cineastas e até de políticos de estados distantes como São Paulo e Minas Gerais. Da Paraíba já confirmaram presenças a deputada Nilda Gondim e o secretário Inaldo Leitão.
**
O prazer de rever Edna Lima, amiga de adolescência, que mesmo morando na mesma cidade, não avistava há quase 40 anos.
**
Dosca do Ó contou-me que o velho Cabo Lira fixou residência em Paulo Afonso e está amando como nunca.
**
Ricardo Coutinho vai ser cidadão cabedelense.A homenagem da Câmara é em reconhecimento aos benefícios levados a Cabedelo pelo governador.
**
O velho Cabo Tenório anuncia rompimento com o prefeito de Tavares, que é casado com uma sobrinha sua. Parece que o prefeito, depois de eleito, deu uma banana ao cabo e ao grande líder Terto Morais.
**
CD de João Vanildo, tocando forró de primeira, será apresentado hoje no Programa Sem Nome da 100.5. Vale a pena escutar.
**
E agora lá se vão meus abraços para Ricardo Pereira, Irismar Mangueira, Givaldo Morais, Nininha Lucena, Nilce Lima, Maisa de Marco Pó Roial, Anita Leite, Ivo de Lindolfo, Nelson Cabeção, Juraci Bezerra, Chiquinho de Mané Bezerra, Tadeu Fonfon, Chagas Bidiça, Toinho Florentino, Assis Liberalquino, Aldo Lopes, Aldo Araujo, Fernando Pires Marinho, Newton Arnaud, Antonio Geovani, Milton Soares, Harrison Targino, Luciano Pires, Waldemir Azevedo, Marcos Marinho, Zé Alan Abrantes, Eilzo Matos, Ademar Nonato, Aldeone Abrantes, Dedé Veras, Fernando Caldeira, Gisa Veiga e Giovani Meireles.
**
Dois amigos estão no bar, quando um deles fala:
- Está vendo aqueles dois velhos bebendo na outra mesa? Daqui uns vinte anos estaremos assim.
O outro olhou e disse:
- Compadre, é melhor você parar de beber. Aquilo é um espelho, porra !

Porque não gosto de futebol - Tião Lucena



 

Não gosto de futebol. Não assisto a copa do mundo, quando muito vejo os gols no Globo Esporte. A partida de futebol é um saco. Vinte e dois homens correndo atrás de uma bola, chuta daqui, chuta dali, vai lá na área, volta pra outra, de vez em quando um perna de pau mete o cacete no adversário, o cabra cai gemendo, depois se levanta, passa gelol e corre outra vez. O gol sai e eles pulam, agora beijam a aliança e fazem coraçãozinho com as duas mãos para a amada, que na maioria das vezes é piriguete, caçadora de fama, come grama.

Quando sai do campo, o cabra monta numa Ferrari e vai namorar a atriz da Globo que dá a vida por um holofote ou então vai buscar alguma boazuda da periferia que anseia por um “gastoso” mão aberta.

A maioria desses idolos se esvai com o tempo. Despreparado para ganhar tanto dinheiro, gasta com fartura pensando que aquilo é eterno. E termina lascado. Entra em parafuso, morre jogado na sarjeta, sem mulher e sem família, exatamente porque casou com a primeira que apareceu.

E olhem que os jogadores negros renegam a própria raça. Só casam com galegas, de preferência coxudas, bundudas e rabudas. Prestem atenção e me digam se viram algum deles, a começar por Pelé, namorando alguém de cabelo pichaim, pele escura e beiço grosso. Só gostam de loiras, e loiras esfuziantes.

Confesso que nem sempre foi assim, ficou assim depois do trauma da seca. Estávamos perto da redenção, 2012 seria o fim do sofrimento nordestino, a transposição chegaria ao Nordeste, os rios seriam perenizados, os açudes nunca mais secariam, as roças seriam verdes os 12 meses do ano, mas eis que aparece uma presidente chamada Dilma Roussef e bota tudo a perder. Troca as necessidades de um povo pela vaidade de uma copa do mundo, pega o dinheiro da transposição e torra na reforma de estádios nababescos, deixa o sertanejo com uma mão na frente e outra atrás e agora estamos sentindo na pele as consequências dessa irresponsabilidade.

O que foi gasto, perdeu-se. Quem passa pelos canais já construídos, fica de coração partido. As placas de cimento estão se soltando, o mato cresce no meio do cimento, nunca o sertanejo/nordestino foi tratado com tanto desprezo.

E tudo em nome de uma copa, de uma partida de futebol, de 22 marmanjos correndo atrás de uma bola e ganhando salários de até 6 milhões de reais por mês.

Dá pra gostar de futebol desse jeito?

Quem quiser que goste. Eu não gosto e pronto.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 Um deputado, que é médico, adentra à ala vermelha do hospital de trauma sem estar devidamente paramentado. Vestindo paletó e gravata, contamina e contamina-se. Interrompe o trabalho dos médicos, perturba os pacientes, tira retrato, filma, casa e batiza, para depois levar as bactérias para as outras alas do ambiente. Feito isso, posa de herói, de paladino, achando-se a bala que matou John Lennon, ainda por cima recebendo o apoio dos seus pares, todos da oposição.

**
Isso aconteceu esta semana aqui em João Pessoa. Os deputados, que foram fazer fita e provocar o governador, usaram os doentes do trauma como se isso fosse uma coisa perfeitamente normal. Desrespeitaram a vida humana, abusaram do seu direito de parlamentar e fizeram isso tudo porque estão cientes da impunidade.
**
Em outubro do ano vindouro, porém, a população da Paraíba saberá identifica-los e contempla-los com uma banana bem dura, daquelas que não se quebra nem mesmo no furico de um jegue, reconhecidamente o orifício mais acochado dos seres viventes deste planeta.
**
A feira livre de Princesa foi antecipada do sábado para o domingo, para que os conterrâneos possam aproveitar a data e homenagear seus defuntos no campo santo local.
**
Alguém viu o Bernardino por aí?
**
Alô, Zé Alan, Alô Eilzo Matos, Alô rapaziada de Sousa, do Troodon e redondeza: estou aguardando o contato pra gente marcar a data do lançamento da “Guerra de Princesa” aí no sertão, clamando aos céus para que desta vez a festa transcorra em paz e não morra ninguém.
**
Lá em Guarabira já está praticamente acertado, faltando apenas Alexandre Moca e Robério Arnaud baterem o martelo em cima da data.
**
Quanto a Monteiro, deixei a missão a cargo de Fred Menezes e Geordie Tampa de Furico Filho.
**
Vavá da Luz está ultimando os providenciamentos para o lançamento do livro em Ingá. Ele garante que vai ser maior do que o de Princesa.
**
Waldemir Azevedo também está arregimentando a tropa para o lançamento em Campina Grande.
**
Data certa, certíssima, a de Brasilia: dia 20 do corrente, no Carpe Diem. Já em Maceió, o lançamento está marcado para 18 de dezembro, véspera do meu aniversário.
**
E agora lá se vão meus abraços para Marcone Formiga, João Fó, Antonio de Gino, Rinaldo Pitada, Neto Caetano, Alexandre Maia, Geraldo Rodrigues, Maria de Veri, Zélia Boião, Marta Preta, Nininha Lucena, Vilma Lima, Aldo Lopes de Araújo, Valban Lopes, Rena Bezerra, Moab Leite Advincula, Agnelo Muniz, Irismar Mangueira, Ricardo Pereira, Vereador Givaldo, Fábio Arruda, Emanuel Arruda, Marta Teodosio, Lurdinha de João do Guirra, Sabrina Barbosa, Zé Duarte, Carmelo Mandu e Zé de Miguel Raiz.

**
Um casal de idosos vai ao médico.
Ao terminar o exame, o médico pergunta ao velhinho:
- 'Sua saúde parece boa. O senhor tem alguma pergunta, ou existe alguma coisa que o preocupa ?'
- 'Na verdade, existe', diz o velhinho. 'Depois de fazer sexo com minha esposa, em geral sinto muito calor depois da primeira, e, depois da segunda, sinto muito frio!'
O médico diz que nunca ouviu falar disso e vai pesquisar.
Em seguida, o médico examina a velhinha, e diz:
-'Tudo está muito bem com a senhora. Existe alguma coisa que a preocupa?'
A senhora diz que não tem nenhuma pergunta ou preocupação. O médico então diz a ela:
- 'Seu marido diz ter um problema um pouco estranho. Ele disse que sente muito calor depois de fazer sexo a primeira vez, e que sente muito frio depois da segunda. A Sra. tem idéia do porquê?'
- 'Oh, aquele velho maluco! É porque a primeira é em janeiro, e a segunda, em julho'...

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 

Estou em Princesa para lançar meu livro “A Guerra de Princesa”, logo mais às 20 horas, na AABB. Pelos cálculos de Nininha minha irmã, de Sabrina Barbosa, de Ricardo Pereira, de Irismar Mangueira e dos demais que estão organizando o evento, vai ser banquete para 500 talheres. De Natal vem pela estrada afora o bom Aldo Lopes de Araújo, que apresentará a obra. Edmilson Lucena já deve ter deixado João Pessoa pela madrugada com o mesmo objetivo. Humberto Alexandre, que já se encontra aqui com sua Tatiana, avisa que não será surpresa se Estela Bezerra, nossa Secretária de Comunicação, der o ar de sua graça. Os primos de Afogados da Ingazeira já avisaram que vêm. Terto Morais comanda caravana de Tavares, Luiz de Matuto arruma o matulão para trazer sua caravana de São José, de Juru Fátima Alves traz seu povo e de Manaíra e Água Branca também vem gente de ruma.
**
O ex-deputado Aloysio Pereira deve ter chegado à noitinha, ao lado de Italo Kumamoto, para a festa do lançamento da Guerra de Princesa. Ele, aos 90 anos, esbanja uma juventude que faz inveja a muito cabra novinho.
**
A festa começa às 20 horas, sem hora pra terminar. Vai ter coquetel, vai ter seresta, vai ter discursos e outras coisas mais que eu não conto pra não perder a graça.
**
A nota triste desta minha vinda a Princesa fica por conta do Açude Jatoba, o que abastece a cidade, quase seco. É de cortar coração a cena triste do leito seco do açude, a quase lama sendo levada pelos carros pipas para Pernambuco e a completa ausência do DNOCS na administração do reservatório.
**
Por muito menos que isso o então prefeito de Taperoá, Deoclecio Moura, reuniu a população e proibiu o acesso dos carros pipas ao açude local, que mesmo assim já secou completamente.
**
A cidade de Princesa recebeu o governador Ricardo Coutinho na tarde/noite de sexta-feira. Ricardo deixou quase 2 milhões a serem gastos no Pacto Social. Tomara que gastem mesmo.
**
Daqui a pouco vou à feira de Princesa, comer quebra queixo e beber capilé de groselha. Mais tarde participo do programa de Ricardo Pereira na Rádio Princesa para falar do lançamento do livro.
**
O próximo lançamento será em Brasilia, no Carp Diem.Miguezim e Zezé estão organizando o evento.
**
E agora lá se vão os meus abraços para Johnson Abrantes, Roberto Costa de luna Freire, Shayne Asfora. Marcelo Weick, Valdemir Azevedo, Odon Bezerra, Solon Benevides, Zeca Ricardo Porto, Abraão Beltrão, Alisson Filgueiras, Wellington Marques Lima, Richomer Barros, Venancio Viana, Ricardo Lucena, Giovana Meyer, Maria Lucena Lopes, Marivone, João Marcelino Mariz, Rivaldo Medeiros e Renan Neves.
**
Um sujeito vestindo uma camiseta vermelha do PT entrou em uma loja de armas e perguntou para o vendedor:
--- Qual é o preço de um trinta e oito?
--- Não estamos vendendo esse revolver!
--- Então, qual é o preço daquela pistola 9 milímetros da vitrine?
--- Também não está à venda!
--- E aquela escopeta calibre 12 da prateleira?
--- Ela também não está à venda.
--- Tô achando que o senhor não quer vender nada pra mim por que sou Petista...
--- Pois é isso mesmo !

O Petista sai da loja espumando de raiva.

No dia seguinte ele vai procurar o advogado , conta a história para o "doutor" e pede que ele tome alguma providência. Tentando resolver o problema pacificamente, o advogado vai até a loja e pergunta ao vendedor:
--- Bom dia, meu amigo. Eu gostaria de saber se você tem alguma coisa contra Petistas?
--- Temos tudo o que o senhor precisar! Revólver, pistola, metralhadora, bazuca e, se precisar, consigo granadas e lança-chamas...

Virou Casa de Noca - Tião Lucena

 

Além de baderneiros, os sem terra que invadiram o Centro Administrativo do Estado em Jaguaribe são cínicos. Ao tentarem justificar o quebra-quebra que fizeram nos móveis e nos veiculos ali estacionados,disseram que estavam se defendendo. De que, meu Jesus? De almas penadas saídas do cemitério Senhor da Boa Sentença apenas para assombrá-los? Ou estariam correndo das preces nada angelicais do seu mentor religioso Frei Anastácio?

Arrogantes, prepotentes, violentos, eles prenderam funcionários em seus locais de trabalho e os deixaram ali, sem comida e sem bebida durante seis horas, enquanto se banqueteavam com as quentinhas providenciadas pela turma do apoio.

Comiam do lado de fora, fazendo pouco de quem estava lá dentro. Um senhor que conseguiu sair da prisão não teve como levar seu carro até a escola do seu filho porque os donos do Centro Administrativo não permitiram.

E ainda disseram que estava se defendendo.

A polícia encontrou com um deles uma reluzente pistola 380. Uma bicha dessas custa, por baixo, 3 mil reais. Um sujeito sem terra tem dinheiro para comprar uma pistola por 3 mil reais? Explica isso, Frei Anastácio!

Helder Moura, com a sua conhecida imparcialidade, tentava justificar o ato arbitrário, violento e inexplicável, dizendo que ele se deu porque o governador não quís conversar com os sem terra. Até parece que os ouvintes de Helder são todos imbecis. Todo mundo viu, ouviu e leu a disposição do governador em receber a turma na semana passada. Consta que Ricardo Coutinho passou seis horas esperando os delinquentes e nenhum apareceu. Justificaram: “só vamos em 15, nada de meia dúzia”. Querem mandar até no governador. E se não botarem um freio, vão mandar no bispo, no arcebispo, em pastor Estevam, em finada Irene, na não menos finada Hosana, nas quengas do Pavilhão e até na banca de Reginaldo.

O episódio de segunda-feira será lembrado como algo vergonhoso. Mais vergonhoso ainda por ter sido estimulado por um deputado que se diz padre, mas que de padre só tem a batina. O seu procedimento é o de um anarquista de quinta categoria, de um estimulador da violência e da bagunça.

Mas tudo fora previsto. No domingo os portais já diziam que na segunda Frei Anastácio comandaria invasão dos sem terra aos prédios públicos do Estado. Foi tiro e queda. Na segunda invadiram tudo de uma vez. O Centro Administrativo reúne todas as Secretarias do Governo, além de uma agência do Banco do Brasil, outra do Santander e diretorias menores. Fizeram o que prometeram e ainda saíram cantando. Tomara que amanhã não inventem de invadir o Grupamento de Engenharia. Só falta isso. O Brasil é um cabaré.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

Começo a coluna de hoje falando de festa, e festa das boas. Segunda feira, no final da tarde e começo da noite, logo depois da Ave Maria tocada nas rádios, o considerado e a considerada estão intimados a comparecer à TV Master, ali na Beira Rio, para participarem, ambos os dois e os outros, é claro, de um momento cultural singular e plural como diz o bom 1berto de Almeida: o lançamento do meu livro, “A Guerra de Princesa”. A festa ocorrerá no Teatro Master, que fica no mesmo prédio da TV, com direito a transmissão televisiva e tudo mais. Alex Filho será o mestre de cerimônia e o imortal Damião Ramos Cavalcanti apresentará a obra.

**
E como falei de festa, continuo falando: nesta segunda feira, na vivenda dos Pinheiro, Toinho Pinheiro, o famoso “Braço de Radiola”, chegará aos 50 anos oferecendo uma farra de entupigaitar a boca do granadeiro.
**
Não esquecer de ouvir, a partir das 6, o Programa Sem Nome na 100.5, hoje sem minha participação por motivos de doença mas com a apresentação firme e inteligente do inimitável Humberto Alexandre.
**
Ramalho Leite deve estar fazendo os cálculos da gastança de ontem, por conta de sua eleição para a APL. É que o candidato com pretensões de se eleger tem que pagar as mensalidades atrasadas dos sócios velhacos e ainda arcar com a conta do lauto banquete comemorativo.
**
O governador Ricardo Coutinho inaugura logo mais o Contorno de Jacumã indo e voltando, obra prometida por muitos, ansiada por inúmeros e somente agora concretizada por um governador que não gosta de afagar egos mas adora trabalhar.
**
João Barros, muita saudades dele, Princesa ficou menos engraçada sem sua presença.
**
Ainda repercute, claro que de forma negativa, aquele boicote ciumento que se tentou fazer à sessão itinerante da Assembléia em Bananeiras. Coisa feia, reprovável, menor, pequena, insignificante, indigna e mesquinha.
**
Eita que hoje eu deixo Paulo Mariano comendo sozinho o seu cuscuz com mocotó de boi na feira da Torre. O doutor Gláucio, aquele que descobriu a minha diverticulite, disse que a partir de agora eu só como canja de galinha com folha de mato.
**
Meus amigos da Confraria do Manaíra Shopping confirmaram presença em massa ao lançamento do meu livro segunda na TV Master, com Chico Pinto no comando.
**
Aloysio Pereira abriu dos peitos e encomendou seis livros de uma lapada só.
**
Quero dizer aos meus dois leitores que, embora tenha divulgado aqui a briga de Wilson Braga com a nora pelo controle da Sanhauá, nada tenho contra os meninos que alugaram horário na emissora. Pelo contrário, nutro profundo carinho por Gutemberg Cardoso, Sales Fernandes, Marcelo José, Gilvan Freire e Antonio Malvino, este último patrimônio irremovível da Sanhauá.
**
Ronaldinho Cunha Lima se recupera bem de cirurgia em São Paulo. Retorna em poucos dias ao batente para continuar o belo trabalho que vem fazendo em Campina.
**
Vitalzinho vai ser ministro, nisso aposto com quem quiser, dando usura e tudo o mais.
**
E Santino, casa ou não casa?
**
Walber Virgulino, para desgosto do pessoal dos Direitos dos Manos,continua humanizando o Sistema Penitenciário.
**
Domingo volto à Igreja. Senti saudades de Deus.
**
E agora lá se vão meus abraços para Marçalzinho Lima, Pedro Freire, Livania Farias, Arnóbio Viana, Fred Coutinho, Fátima Bezerra, Joás deBrito Pereira Filho, Zeca Ricardo Porto, Márcio Roberto (pai e filho), Luzemar Martins, Cida Ramos, Aracilba Rocha, Gilberto Carneiro, Fábio Nogueira, Elenildo Arruda, Emanuel Arruda, Luiz Nunes Alves, Toinho Samuel, Chico de Edmundo, Airton Farinha Almeida, Sales Gaudêncio, Ivan Burity, Marcos Pires, Luis Torres, Carlos Roberto de Oliveira, Martinho Moreira Franco, Gonzaga Rodrigues, Agnaldo Almeida, Otavio Sitonio Pinto, Frutuoso Chaves, Jackson Bandeira, Clodoaldo da Tabajara e Hermes de Luna.
**
Desde o primeiro dia de casamento, Renatinho pedia à mulher para fazer sexo anal, mas ela nunca aceitava. Certo dia, quando ele chegou mais cedo do serviço, a encontrou fazendo um sexo anal violento com o seu melhor amigo.
Não acreditando no que havia visto, saiu sem que eles percebessem e foi encher a cara no bar. Lá ele encontrou um bêbado pra quem desabafou. Contou toda a história. O bêbado escutou pacientemente e, quando o corno, quer dizer, o marido traído terminou de falar, ele respondeu:
- É, companheiro... A vida é assim! Olha só o meu caso, por exemplo: outro dia eu tava viajando de ônibus e de repente fiquei com vontade de cagar....Aí fui no banheiro, fiz força pra cagar e só peidei...
Quando voltei pro meu lugar me deu uma vontadezinha de peidar aí fiz força pra peidar e caguei...
- Pô, meu! - Protestou o corno. - Eu desabafo com você, espero um bom conselho e você me vem com esse papo de peidar e cagar?
- Cara, só tô tentando te mostrar como é a vida... A gente não pode confiar nem no cu da gente! Imagina no dos outros...

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 

Peraí, gente, não foi Dilma a responsável pela elaboração do calendário de 2013, não sendo, portanto, culpada pelos feriados seguidos aos sábados e domingos. Quem inventou essa maldade permanece escondido e mangando da gente. Nós estamos feriando em dia feriado, sem os famosos feriadões de antigamente, aqueles que começavam na sexta e emendavam na segunda, por culpa de algum safado que deu o bote e escondeu a unha, mas esse safado, com certeza, não tem nada a ver com a presidente.Deve ser algum mau caráter da oposição. Só pode.
**
De modo que cá estamos nós, num feriado caído num sábado. Aliás, segundo as minhas observações, a única colher de chá que nos deram foi o 15 de novembro que vai acontecer numa sexta. É a esmola do moribundo, aquela que deixa o doente ter uma melhora para esperar a morte no dia seguinte.
**
Ainda bem que tem gente que cuida de remediar as coisas. O prefeito de Princesa, por exemplo, antecipou a feira para ontem, sexta, a fim de dar descanso aos feirantes e comerciantes. E como feira no interior é uma festa, posso afirmar que Princesa, ao contrário de outras cidades, teve e está tendo um feriadão.
**
Aloysio Pereira se encontra na terrinha, descubro no facebook. Visitou a viúva de Pedro Fogueteiro e o vereador Zé Biró, recém aderido ao seu esquema político. Deve aproveitar o feriadão para lançar seu livro.
**
Falar em lançar livro, aviso aos meus dois leitores que está acertado, prego batido e ponta virada, o lançamento do meu “A Guerra de Princesa” aqui em João Pessoa. Vai ser no dia 21, segunda-feira, às 18:30, na TV Master. Ali teremos a festa, com direito a discurso de Alex Filho, apresentação do presidente da Academia Paraibana de Letras Damião Ramos Cavalcante, noite de autógrafos e coquetel, emendando em seguida com o Conexão Master. Aviso que vai ser tudo televisionado e exibido pela TV Master.
**
Hoje tem feira e, tendo, tem cuscuz com bode na Torre, encontro com Paulo Mariano para cinco dedos de prosa e muita conversa jogada fora com os vendedores de frutas, verduras e outros bichos de pena.
**
Os açudes da Paraíba estão secando. Em alguns só resta a lama. O de Princesa está numa peínha de nada para secar. A gente vai terminar bebendo água do mar com sal e tudo.
**
Como aquele meu amigo anda cheio de rancores! É rancor saindo pelos poros, pelo buraco da venta, pelos olhos e até pelo orifício corrugado.
**
Voltando a falar do meu livro, no dia 26 estarei lançando ele em Princesa. A festa ocorrerá nos salões da AABB, com direito a muita música,muita comida e, claro, muitos discursos, porque em Princesa festa só presta com discursos e discursos compridos. Os primos de Afogados já confirmaram presenças. Meus irmãos residentes em João Pessoa estão se arrumando para viajar. E Miguezim, lá de Brasilia, avisou que vai descer do avião em Juazeiro e de lá pegar descendo pra Princesa. Pense num reencontro da gota serena!
**
Chico Pinto prometeu trazer pra mim um chapéu do Paraná. Vamos ver se desta vez ele não me engana.
**
Fernando Caldeira teve pneumonia, foi internado, mas já se encontra em casa. Sem poder beber, é claro.
**
O prazer de reencontrar, no Quincas Galeto da Torre, o indefecável Kubi Pinheiro e sua prole. Gente altamente mais ou menos.
**
Geordinho está em Monteiro enchendo o cu de cana.
**
Fred Menezes lhe faz companhia.
**
Bananeiras tem festival dos bons a partir de sábado.
**
Kelly Kay em festa de criança? Com aquela bunda enorme? Sei não, mas acho isso um estímulo à masturbação infantil.
**
E agora lá se vão meus abraços para Luiz Nunes Alves, Ricardo Pereira, Irismar Mangueira, Givaldo Pereira, Agnelo Muniz, Bezinho Fernandes, Joca Fernandes, Bosco Fernandes, Maria de Tia, George Carvalho, Nilce Barros, Tadeu Fonfon, Fábio e Emanuel Arruda, Sabrina Barbosa, Jandui Sabino, Terto Morais, Anchieta Gualter, Maria Messias, Luiz de Matuto, Antonio Delano, Roque Fogueteiro, Kotila da Barraca e Tito de Tozinho.
**
Como vamos ter um rapaz de Minas Gerais, Aécio Neves, pedindo votos a nós para presidente, vão aqui os 10 mandamos do político mineiro colhidos por Sebastião Nery:
— Os dez mandamentos do político mineiro:
01 — Mineiro só é solidário no câncer.

02 — O importante não é o fato, é a versão.

03 — Aos inimigos, quando estão no poder, não se pede nada. Nem demissão.

04 — Para os amigos tudo. Para os inimigos, a lei.

05 — Respeitar, sobretudo, o padre que consegue votos; o juiz, que proclama o eleito; e o soldado, que garante a posse.

06 — Nas horas difíceis, cabe ao líder comandar: "Preparemo-nos e vão".

07 — Voto comprado não é atraso, é progresso. Se o voto é comprado é porque tem valor.

08 — Em briga de político, geralmente perdem os dois.

09 — Mais vale quem o governo ajuda do que quem cedo madruga.

10 — É conversando que a gente se entende.

 

É só uma questão de status - Tião Lucena

Um vereador da Câmara Municipal de João Pessoa chamado João Almeida defendeu, da tribuna, o corte de uma publicidade institucional da Câmara veiculado no portal de Claudia Carvalho, como forma de punição a atrevida jornalista que ousou criticá-lo. Chegamos, como se vê, ao fundo do poço. Um jornalista está privado de manter negócios com um poder porque teve a ousadia de criticar um vereador.

E eu pensando que já tinha visto tudo nesta vida.


Vi nada! Ainda tem muita coisa pela frente.
Tem, por exemplo, a nota solidária do Sindicato dos Jornalistas ao meu amigo Rubens Nóbrega, por ter sido processado pelo governador Ricardo Coutinho. Na mesma pisada, surgiu o Conselho Estadual dos Direitos Humanos. Todos os dois solidários com Rubens, sendo que o Sindicato também se solidarizou com Cláudia e com dois jornalistas de Patos.


Eu e Luiz Torres respondemos a dezenas de processos, mas como o autor ou autores de tais processos não é e não são o governador Ricardo Coutinho, não tivemos a honra de receber notinha de solidariedade do Sindicato ou do Conselho Estadual dos Direitos Humanos. Deve ser problema de status social. Quem nos processa não é governador, não mora em Palácio nem anda em carro oficial.
Quem manda sermos pobres?


Na nossa terrinha, jornalista só é independente se meter a ripa no lombo do governador. Se não meter, é babão e vendido. Pode elogiar Dilma, jogar flores em Luciano Cartaxo, lançar pétalas de rosas aos pés de Zé Maranhão e até fazer o casamento de Cássio com Veneziano que continua jornalista porreta. Mas se disser que Ricardo Coutinho é bonito, lascou-se. Vira babão, vendido e sem futuro. Nem direito a nota de solidariedade tem.


Hipocrisia pura, dizem os mais exaltados. Eu prefiro achar que se trata de ciumeira, de dor de cotovelo e de saudade do tempo em que esses mesmos viviam tomando cafezinho com leite nas cozinhas palacianas.


Mas isso não é da minha conta nem é do meu rosário. Privo-me das notinhas, recebo as novas patentes e olho para a frente. Acho-me no direito de acreditar no que acredito e não me sinto menor do que os descrentes. Muito pelo contrário, vejo nos meus atos e nos atos de outros companheiros iguais a mim menos fingimento e recalque do que nos daqueles que usam o subterfúgio das máscaras para esconder suas verdadeiras intenções.


E estamos conversados.

Eu aumento, mas não amamento - Tião Lucena

Porta-voz de todos

Isso mesmo, o vereador Fernando Milanez consegue o milagre de ser porta-voz de tantos quantos cheguem ao poder. É assumir o cargo executivo e lá está Milanez, de armas em punho, voz firme e possante, posando de defensor emérito. Roseana Meira caiu na besteira de criticar o prefeito Cartaxo e levou no lombo uma resposta do valente Milanez. Só que deu o troco e lembrou o passado governista de Fernandinho, desde quando ele andava de fraldas pelos corredores do poder.
Pesquisa
Pela pesquisa do Vox Populi, o governador Ricardo Coutinho só perde pra Cássio na sucessão de 2014. Mas como Cássio não será candidato...
Nova estrada
Quem está em Juazeirinho já tem a opção de viajar pela estrada nova que Ricardo está construindo. Vai sair em São João do Cariri.
Feira antecipada
A feira de Princesa foi antecipada para sexta-feira, por causa do feriado de sábado. O decreto é da Prefeitura.
Corrida para o Senado
Segundo a pesquisa do Vox Poopuli, Cicero e Romulo estão liderando a corrida para o Senado. Só que há apenas uma vaga e alguém vai sobrar.
Mikika voltou
E voltou logo pelas mãos de Tião Gomes, aquele mesmo que com ele brigou recentemente, um chamando o outro disso e daquilo por causa da disputa pelos pontos de jogos do bicho. Agora aliados, juntos e misturados, Tião tirou licença para Mikika virar deputado. E ainda dizem que o amor não é lindro.
Pelo SUS
O vereador Raoni Mendes, sempre criativo, quer obrigar o prefeito, o vice, os secretários e os vereadores a adotarem o SUS como plano de saúde. E eu aqui morrendo de duvidar que algum deles, Raoni incluído, vai mesmo levar esse negócio a sério.
Deputado Josinato
Pois é, meus amigos, Josinato Gomes, o bravo jornalista de Itaporanga, leva a sério sua candidatura a deputado estadual e já se articula para formar uma frente ampla que viabilize a sua vitória. Quem sabe, desta vez, o galego emplaque.
Ainda a pesquisa
Como explicar o mesmo número de pessoas ouvidas em Campina e João Pessoa, se João Pessoa tem o dobro do eleitorado de Campina? Taí, Vox Populi, explica!

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 
Neste domingo a cidade do Ingá vai ficar montada em cavalo, burro, jegue e outros bichos de quatro patas. Quem não montar não participa da cavalgada de Vavá da Luz. Geordinho Tampa de Furico Filho já se dispôs a levar seu bode pai de chiqueiro para cavalgar naquelas plagas e eu só não vou porque meu jegue Mexerico adoeceu dos ovos e vai passar quinze dias andando nos dois pés da frente pra não machucar os pobrezinhos.

**
Falar em Geordinho Tampa de Furico, nos encontramos ontem, sexta-feira, no Bar de João. O pobre estava passando fome e comeu meia panela de rubacão. Depois, soltou dois peidos e foi embora.
**
Não é em qualquer blog que você encontra as crônicas cinematográficas de Martinho Moreira Franco, as escritas de saudades de 1berto de Almeida, as análises sintáticas e morfológicas de Ramalho Leite, os fundos de baús de Paulo Mariano, as colunas de Chico Pinto, Mayssa, Edmilson Lucena, Eilzo Matos e de vez em quando do Bonitão que vos fala, as poesias de Miguezim, Raniery e Rena Bezerra e outras coisas mais, muitas mais , incontáveis mais. Só Aqui, no Boiga do Tião, aquele que tem mais de 10 milhões de acessos.
**
Fabiano Gomes desistiu da candidatura para apoiar o conterrâneo Jeová Campos, o Homem do Alho. Eu ia votar em Fabiano.
**
Prefeito corrupto na Paraiba é coisa tão comum que, quando alguém se reporta a essa categoria eu respondo: “Eu quero é novidade”.
**
Como esquecer daquele senhor se, escreveu não leu, eu topo com ele passeando no Manaíra Shopping?
**
A noiva, ou melhor,a ex-mulher de Jarbas Vasconcelos, aquela que apareceu na imprensa anunciando que vai posar nua na playboy, está muito conservada. Pelo visto, Jarbas não a usou.
**
Vavá da Luz está suspenso do Facebook porque publicou uma bunda. Magina se tivesse publicado a parte dengosa!
**
Meu amigo Célio di Pace está namorando uma gata tão bonita, mas tão bonita, que deixa a marmanjada do pau mole com a boca cheia d”água, se babando, quando ela passa de mãos dadas com ele em busca do paraiso.
**
Segundo Marcos Tavares, aquele executivo que teve um AVC seguido de uma isquemia cerebral e por derradeiro uma crise de alzaime, está se recuperando bem, reconhecendo todo mundo que chega para visitas. Tanto está que, nem bem avista o amigo de velhas datas, o recepciona com um “mamãe...”.
**
Quem entrou no PEN de Ricardo Marcelo gostou. Tanto gostou que não reclamou.
**
E agora lá se vão meus abraços para Reginaldo da Banca, Jacaré, Maria do Viaduto, Ontoim de Ana, Zé de Chumbinho, Duri Duri do Geisel, Renato Cotó, Duda Garçom, Jorge Bonga, Bigu de Jacumã, Manoel do Taxi, João do Bar, Dudu do Manaíra Shopping, Zé de Biu, Maria de Tia, Zé de Eva, Cumpade Ruscano, Dosca do Ó e Xixica do Gavião.
**
Um cara sofria de dor de cabeça crônica infernal. Foi ao médico que, depois dos exames de praxe, disse:
- Meu caro, tenho uma boa e uma má notícia. A boa, é que posso curá-lo dessa dor de cabeça para sempre.
A má notícia é que para fazer isso eu preciso castrá-lo! Seus testículos estão pressionando a espinha, e essa pressão provoca uma dor de cabeça infernal.
Para aliviar o sofrimento preciso removê-los.
O cara levou um choque e caiu em depressão.
Passou dias meditando. Indagava se havia alguma coisa pela qual valesse
a pena viver.
Não teve outra escolha a não ser submeter-se à vontade do bisturi.
Quando deixou o hospital, pela primeira vez, depois de 20 anos, não sentia mais dor de cabeça. No entanto, percebeu que uma parte importante de si estava faltando. Enquanto caminhava pelas ruas notava que era um homem diferente, mas que poderia ter um novo começo. Avistou uma loja de roupas masculinas de grife.
"É disto que eu preciso", disse para si mesmo.
- Quero um terno novo!!!, pediu ao vendedor.
O alfaiate, de idade avançada, deu uma olhadela, e falou:
- Vejamos... é um 44 longo.
O cara riu: - é isso mesmo, como é que o senhor soube?
- Estou no ramo há mais de 60 anos, respondeu o alfaiate.
Experimentou o terno, que lhe caiu muito bem.
Enquanto se admirava no espelho, o alfaiate perguntou:
- Que tal uma camisa nova?
Ele pensou por alguns instantes:
- Claro!
O alfaiate olhou e disse:
- 34 de manga, e 16 de pescoço.
E ele pasmado:
- Mas, é isso mesmo, como pôde adivinhar?
- Estou no ramo há mais de sessenta anos, disse.
Experimentou a camisa e ficou satisfeito.
Enquanto andava pela loja, o alfaiate sugeriu-lhe:
- Que tal uma cueca nova?
- Claro.
O alfaiate olhou seus quadris, e lascou:
- Vejamos... Acho que é 36.
O cara soltou uma gargalhada:
- Desta vez, te peguei. Uso o tamanho 34 desde os 18 anos de idade.
O alfaiate sacudiu a cabeça negativamente:
- Você não pode usar 34. O tamanho 34 pressiona os testículos contra a espinha, e essa pressão deve provocar
em você uma dor de cabeça infernal.
EXPERIÊNCIA É TUDO... (60 anos no ramo). Negócio de médico é operar. Consulte seu alfaiate antes de operar.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

O açude Jatobá, de Princesa, está quase seco. Os carros pipas fazem fila, levando água para Pernambuco, enquanto a população da cidade corre o risco de ficar à míngua. Administrado pelo DNOCS, o Jatobá está entregue ás baratas. Esse tal de DNOCS é o órgão mais inoperante do Governo Federal. Deveria ser extinto e em cima de sua cova plantada uma caveira de burro para não correr o risco de ressuscitar.

**
Até que gostei do telefonema do prefeito Dominguinhos, de Princesa. Só não gostei da insinuação de que estaria gravando as suas palavras. Não sou dado a esse tipo de expediente, ouviu amigo Dominguinhos!
**
Ricardo Coutinho inaugurou o binário de Bayeux, obra reclamada pela população desde os tempos de finado Pedro Gondim. Pois Ricardo, em dois anos de mandato, prometeu o binário e fez.
**
O contorno de Jacumã, outra obra reclamada e nunca realizada, foi feito agora por Ricardo Coutinho, que o inaugurará em breves dias. E ainda tem nêgo duvidando das obras de Ricardo.
**
A estrada de Princesa, destruída, foi prometida por gregos e troianos, mas foi Ricardo quem fez.
**
Dilma a frente das pesquisas não é surpresa. Surpresa é Marina, sem partido, sem estrutura e sem expressão, em segundo.
**
Terreno em Mangabeira pertencente à Prefeitura não existe. Toda a fazenda Mangabeira pertence ao Estado, disso tenho certeza absoluta.
**
O deputado Aloysio Pereira lança, neste sábado, seu livro em Princesa Isabel. A festa acontecerá na residência do próprio deputado, à Praça Epitácio Pessoa.
**
Um final de semana sem Bananeiras. Já estou sentindo falta.
**
O mundo veio abaixo porque um filho de médico foi preso como estuprador. Como se gente chique também não fosse tarada.
**
Deixar de falar comigo é um favor que aquela senhora fez. Não aguentava mais os seus enchimentos de saco.
**
Benjamin Maranhão convidando para tomar café segunda e ouvir, em entrevista coletiva, que ele decidiu sair do PMDB e, por consequência, debaixo das asas do tio.
**
Fatima Bezerra Cavalcanti, mulher nota mil, tomou posse nesta sexta na Academia Paraibana de Letras.
**
Ademar Nonato embarcando para o velho mundo. Vai rever Fátima, Compostela, Lisboa e outras oropas, frança e bahia.
**
Eilzo Matos está ficando sem vergonha depois de velho. Acaba de anunciar seu retorno ao gramado etílico.
**
E agora lá se vão meus abraços para Roberto Carlos, Agnaldo Timóteo, Paula Fernandes, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal e Betania, Chico Buarque, Zé Ramalho, Preta Gil, Malu Mader, Cristiani Torlone, Debora Seco, Xuxa, Eliane, Fatima Bernardes e Lurdes de Jobilino.
**
Zé do Fumo hospedou-se num mosqueiro de Campina Grande, daqueles onde a individualidade é separada por tabiques, mas cadê conseguir dormir! Sentia falta de uma costela e seus ouvidos eram despertados por uma voz de homem que pedia, implorando: "Deixa eu botar, nêga, eu boto devagar, num vai doer".
Incomodado com aquilo, subiu num tamborete e olhou por cima do tabique, avistando, no outro aposento, um negão do tamanho de um tanque batendo uma gloriosa na solidão do quarto.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 
O prefeito Douglas Lucena, de Bananeiras, disse-me ontem a noite que é candidato a presidente estadual do PPS, mesmo que chova canivete e o chão empene. O jovem já provou que é decidido e destemido, desde quando assumiu a candidatura a prefeito e, enfrentando céus e terra, saiu vitorioso. É bom o meu amigo Nonato Bandeira prestar atenção no que digo e abrir logo para o rapaz.

**
Frio de torar em Bananeiras. No Brejo todo está assim, mas em Bananeiras é frio de torar, o céu fica anuviado e a gente se encosta em tudo quanto é canto para ver se encontra um pedacinho de calor.
**
A Prefeitura de João Pessoa tem a obrigação de provar que tira licença toda vez que vai começar uma obra, porque, segundo Ricardo Barbosa, essa licença que a Prefeitura cobra dos outros nunca é tirada pela própria para dar o bom exemplo.
**
De Biró em Biró o prefeito de Princesa vai ficando só.
**
O cabra quando não cresce já disse para que veio.
**
Augusto Bezerra, ex-prefeito de Bananeiras, está intrigado com o irmão Adriano porque Adriano permitiu que o filho fosse eleito vice-prefeito. Ciume de velho.
**
Pode até estar roubando, sei não, mas que está trabalhando, a prefeita do Conde está. Até rede de esgoto está botando nas imediações do Chifre de Ouro e do Arrocha Aro.
**
Esse médico velho e enxerido da novela das oito, aquele que deixou a mulher para se amancebar com uma rapariga jovem, é a cara daquele velhote de batina branca que fez a mesma coisa aqui em João Pessoa. É o chamado corno de anel.
**
Será agora em outubro o lançamento do meu livro aqui em Bananeiras. Já acertei tudo ontem com o prefeito Douglas Lucena. O dia exato informo no decorrer da semana.
**
Como dar cu está na moda, é bem capaz daquele ilustre homem público assumir de vez, agora, a sua condição mulher.
**
Durval Ferreira descobriu que está sendo desprestigiado pelo ex-prefeito Enivaldo Ribeiro. Esse filme eu já vi antes. Não sei onde nem quando, mas já vi.
**
Sabrina Barbosa, a Princesa da Comunicação no Sertão. E o resto é o resto.
**
Sabrina, por sinal, será a mestre de cerimônia da festa de lançamento do meu livro em Princesa, dia 26 de outubro, nos salões da AABB.
**
E agora lá se vão meus abraços para Ricardo Ramalho,Zé Souto, Marcos Nogueira, Chico Franca, Zé Alan Abrantes, Pedro Macedo Marinho, Simone Leal, Gutemberg Pereira, Sales Fernandes, Marcos Pires, Paulo Mariano Zé de Ana, Ricardo Coutinho, Gilberto Carneiro, Luiz Torres, Ana Lucia Ribeiro Coutinho, Humberto , Ovidio Mendonça, Zé Ricardo Porto, Joás de Brito Pereira Filho Márcio Roberto Soares e Márcio Roberto Soares Junior.
**
O padre (muito cavalheiro) ofereceu a freira uma carona até o convento, já que estava tarde e a chuva não demoraria a chegar...

No caminho o carro quebrou. Depois de caminharem uma hora embaixo de chuva, avistaram um motel, e o padre sugeriu:

- Irmã, creio que será melhor dormimos aqui neste motel, e amanhã chamaremos o carro do convento para buscarmos.

A irmã toda molhada e cansada concordou feliz da vida!!!!

Na recepção, foram informados que tinham somente um quarto com uma cama de casal disponível.

O padre olhou para a freira e disse:

- Sem problemas, a Irmã pode dormir na cama, que eu durmo no chão.

E assim fizeram.
No entanto, no meio da madrugada, a irmã acordou o padre dizendo:
- Padre! O senhor esta acordado?
- (O padre bebado de sono) Hein?! Ah, irmã, o que foi?
- Ah.... é que eu estou com frio. O senhor pode pegar o cobertor para mim?
- Sim, irmã, pois não!

O padre então se levantou, pegou o cobertor no armário e cobriu a irmã com muita ternura.
Uma hora depois a irmã acorda o padre de novo dizendo:

- Padre! O senhor ainda está acordado?
- (O padre babando na gola) Ah? Ah,irmã, o que foi agora?
- É que eu ainda estou com frio. O senhor pode pegar outro cobertor para mim?
- Claro irmã pois não !

Mais uma vez o padre se levantou cheio de amor e boa vontade para atender o pedido da irmã.
Outra hora se passou e mais uma vez a irmã chamou pelo padre.

- Padre. O senhor ainda esta acordado?
- (O padre engasgando com o próprio ronco) Ah? Sim irmã, o que foi agora?
- É que eu não estou conseguindo dormir. Ainda estou com muito frio.

Finalmente, entendendo as intenções da irmã, o padre então falou:

- Irmã, só nós dois estamos aqui, certo?
- Certo!
- O que acontecer, ou deixar de acontecer aqui, só nós saberemos e mais ninguém, certo?
- Certo!
- Então tenho uma sugestão: Que tal se a gente fizer que nem marido e mulher?

A freira então pula de alegria na cama, e diz:
- Sim! Sim! Vamos fazer que nem marido e mulher!

Daí o padre muda o tom de voz e grita:

- ENTÃO, PORRA! LEVANTA VOCÊ MESMA E PEGA A MERDA DO COBERTOR!!!!!!!

Pensou que iria ter um final erótico né??,
Reze 10 ave-marias e 20 pai-nossos pelos maus pensamentos...

 

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

Caso houvesse autoridade ligada a preservação do patrimônio público na Paraíba, muita gente em Princesa Isabel estaria na cadeia neste momento. Mas não há. Existe no papel, mas fora do papel, só utopia. Criaram um sitio histórico em Princesa e este sitio simplesmente sucumbiu aos golpes da marreta, do machado e da picareta. Prédios históricos foram transformados em bodegas e supermercados, sem que o Iphaep desse o ar da sua graça. Uma vergonha, uma baita vergonha.

**
O prefeito Luciano Cartaxo inaugura as reformas nos bares da pracinha do skate, sexta vindoura, a partir das 18 horas, com uma vaca atolada preparada pelo meu amigo João. Vou comparecer, é claro.
**
João Pessoa está quente, o sertão está queimando, mas em Bananeiras a gente ainda consegue dormir com as portas fechadas, as janelas idem e mesmo assim sentindo aquele frio gostoso de Oropa, França e Bahia.
**
Neste sábado a pedida certa é o Programa Sem Nome, a partir das 6 matinais, na 100.7 FM Lider.
**
Dia 26 de outubro será o lançamento do meu livro “A Guerra de Princesa”, em Princesa, nos salões da AABB, a partir das 20 horas.
**
Um dia antes, 25 de outubro, participarei de um sarau em Monteiro, lançando o meu livro ao lado de autores da terrinha de finado Pinto.
**
O lançamento do meu livro em João Pessoa acontecerá neste setembro. O dia exato e o local direi na próxima terça-feira.
**
Depois programaremos os lançamentos em Guarabira, Bananeiras, Sousa, Patos e Campina Grande.
**
O prefeito de Princesa se recusa a pronunciar o nome do meu blog nas suas entrevistas, mas recentemente ele apresentou um voto de aplausos ao mesmo blog que agora abomina.
**
A verdade sempre vence.
**
Zé Lacerda chega aos 80 anos com os cabelos pretos e retintos.
**
Wilson Braga fez cateterismo e passa bem . O cego de Conceição é imorrível.
**
CPI do Jampa na Assembléia?! KKKKKKKKKK. Faz-me rir!
**
Solidariedade a Assembléia?! Faz-me rir!!!!!!
**
Ridículo tem nome! Faz-me rir!!!!
**
“Santana do Congo”, obra de Efigênio Moura, uma leitura supimpa que estou curtindo adoidado.
**
Tem nada não, qualquer dia, qualquer hora, a gente se encontra...
**
O PT invadiu João Pessoa. Portanto, convém fechar a porta do cofre.
**
E agora lá se vão meus abraços para Hervásio Bezerra, Ricardo Barbosa, Ricardo Coutinho, Estela Bezerra, Cida Ramos, Aracilba Rocha, Livania Farias, Gilberto Carneiro, Walber Virgolino, João Gonçalves, Chico Franca, Abelardinho Jurema, Afranio Bezerra, Ramalho Leite,Tico Pinto, Damião Ramos Cavalcante, Carneiro Arnaud, Rafael Carneiro Arnaud, Oswaldo Travassos, Paulo Mariano, Francisco Medeiros, Tadeu Fon Fon, Fernando Pata Choca, Italo Kumamoto, Luiz Nunes, Emanuel Arruda e Manoel Gaudêncio.
**
Depois de tomar um viagra e ver o efeito que o bicho fez, meu amigo Dosca do Ó confessou, emocionado
-Botei a pixoca crescida sobre minhas duas mãos e fiquei o tempo todo dizendo: “Isso num é meu não! Isso num é meu não!”

 

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

Confesso que não ouvi, soube através de Ursula, uma amiga do Facebook. Segundo ela, meu amigo Rubens Nóbrega fazia seu costumeiro comentário na CBN, no programa de Veronica Guerra, quando ela referiu-se a artigo meu no qual eu dizia que o governador Ricardo Coutinho deu condições de trabalho melhores aos Procuradores do Estado e Rubens, de pronto, teria me chamado de mentiroso. Se isso realmente aconteceu, só me resta lamentar, pois eu achava que a nossa amizade era maior, mil vezes maior, do que as paixões políticas.

**
Hoje não teremos Programa Sem Nome em razão do feriado. Pena que tenha acontecido num sábado esse 7 de Setembro. Já imaginou se fosse numa sexta!
**
Num dia como o de hoje, relembro as paradas cívicas em Princesa, os rapazes do Ginásio Nossa Senhora do Bom Conselho competindo com as mocinhas do Colégio Monte Carmelo, Pedro Caboclo fazendo o povo chorar com a sua corneta mágica, Camilão tirando sons estridentes no bombo e, do outro lado, Luiz Barreto com seu apito comandando a marcha das normalistas com o garbo de quem já representou o Brasil nos campos de batalha.
**
Depois dali, a estudantada era levada, por Genésio Lima, o diretor eterno, para beber e comer às suas custas no Bar de Maria do Ó, com direito ao cantar retumbante de Batinho e aos acordes do violão fanhoso de Paulo Bocão.
**
Era um tempo bom, um tempo onde nos contentávamos com as coisas simples da vida e que, por serem simples, eram boas e ainda hoje são guardadas, como lembranças doces que não morrem, no cantinho mais aconchegante dos nossos corações.
**
Voltando a falar do livro, estou ultimando os preparativos para o lançamento em João Pessoa, que deverá ocorrer depois do de Princesa. Os outros lançamentos serão acertados em seguida. O de Brasilia está praticamente certo com o mano Miguezim e os proprietários do Carpe dien. Tomara que dessa vez Maria Doida apareça, compre o livro mas depois não venha pedir o dinheiro da passagem como fez da vez anterior.
**
Esse negócio de trair em política é tão antigo que nem espanto deveria causar. Burity, que foi traído também, dizia que o único político que não traiu foi Tomé de Sousa, por ter sido o primeiro e não ter, por conseguinte, a quem trair.
**
Senão vejamos: Aqui na Paraíba, Ivan Bichara traiu João Agripino, quando não apoiou Antonio Mariz para governador biônico. João Agripino deu o troco e traiu Ivan, votando em Humberto Lucena para senador.Antes, Ernani Já havia traído Pedro Gondim e o próprio João tentou trair Ernani, sendo depois traído por Ernani. Wilson Braga, eleito com a ajuda de Burity, o traiu. Depois foi traído e derrotado por um campinense desconhecido chamado Raimundo Lira. Burity foi traído por Ronaldo, que foi traído por Zé Maranhão, este também traído pelos Cunha Lima, que foram traídos também por Zé. Em suma, nesse angu só tem caroço e daqueles que não desmancham.
**
E agora lá se vão meus abraços para Gilberto Carneiro, Luis Torres, Fabiano Gomes, Fred Menezes, Geordie Filho, Pedro e Camilo Macedo, Vavá da Luz, Marcos Maivado Marinho, Agnaldo Almeida, Frutuoso Chaves, Martinho Moreira Franco, Gonzaga Rodrigues, Otavio Sitonio Pinto, Aldo Lopes de Araújo, Edmilson e Miguel Lucena, Chico Pinto, Eilzo Nogueira Matos, Mundinho de Nezinho, Ademar Nonato, Clilson Junior, Maurilio Batista, Helder Moura, José Euflavio Horácio, Marcos Pires, Deczon Cunha, Marcus Odilon Ribeiro Coutinho, Humberto Alexandre, Nonato Bandeira, Livia Karol, Celio Alves, Padre Albeni, Heraldo Nobrega, Alex Filho, Ricardo Pereira, Irismar Mangueira, Robson Matuto, Sabrina Barbosa, Simorion Matos, Jandui Sabino, Bezinho Fernandes e Roque Fogueteiro.
**

Antonio Soldado queria mostrar serviço ao povo de Manaíra e este serviço só tinha um nome: valentia. Mas para exibir essa qualidade tinha que vencer dois obstáculos muito sérios: a valentia dos manairenses e a sua frouxidão crônica, que ele escondia sob uma avantajada barriga e uma cara de malvado. Tinha certeza de que só conseguiria se impor na região se passasse a imagem de valente. Mas cadê coragem?

Teria que encontrar algum "bode respiratório", pronto a servir de cobaia para sua exibição, mas um "bode" sem parentes importantes ou vingativos. Passou a estudar os moradores, contando sempre com a assessoria de Afonso Antas, uma espécie de porta-voz da cidade, conhecedor de pobres e ricos, de pretos e brancos, de honestos e desonestos.

O tempo passava, ninguém aparecia. Até que surgiu Idelfonso, um bebado chato, porém inofensivo, filho de dona Maria Parteira. Não tinha irmãos, primos se tinha ninguém conhecia, pai nunca teve e amigos bulhufas, pois era apenas tolerado por quem lhe pagava uma lapada em consideração a dona Maria, gente fina, responsável por todos os nascimentos da cidade e, por assim dizer, credora de muitas atenções.

Antonio decidiu começar a sua escalada de herói por Idelfonso. Esperou uma oportunidade, que se revelou naquela manhã de domingo, depois da missa. Idelfonso perturbava no bar de Zé Laurindo, insistindo que lhe pagassem uma. E Antonio olhando. Viu e ouviu o protesto dos assediados e então foi até lá, pegou o bêbado pela gola da camisa, deu-lhe um supetão na marra do chocalho e o arrastou para a cadeia. A cada 50 metros caminhados, uma parada para um tabefe, um chute na barriga e um arrastado de cabelo. E o povo olhando, admirado.

Foi quando surgiu dona Maria Parteira, chorando em voz alta, clamando pelo filho. Antonio e Idelfonso já adentravam na cadeia quando ela suplicou:

-Seu tenente, solte meu filho, lhe peço pelo leite que mamou na sua mãe".

E Antonio, com cara de cangaceiro, sem querer muita conversa:

-Adianta pedir isso não, que sou enjeitado.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 Chuva em agosto, com jeito de chuva comprida, prolongada, querendo emendar com setembro e daí chegar ao final do ano, não é coisa de se ver no Nordeste. E o pior é que chove num canto e noutro não, como se fosse de encomenda, agradando a uns poucos e desagradando a outro tanto. Vendo isso, lembro da profecia de finado Toinho de Calu, que certa tarde, espiando a barra que vinha do nascente, profetizou: “Hoje ou chove ou venta grande”.

**
Aos poucos aquela pretensa líder está sendo desnudada, a máscara vai caindo e os iludidos descobrem que nada daquilo que ela exibia era verdadeiro. A verdade sempre vence, disso eu nunca duvidei.
**
O catatau de cópias de cheques, de contratos e de notas de empenho que me chegaram, vindos daquela cidade que tanto amo, mostra que a vida daquele administrador será mais curta do que um pingo d”água despejado na areia do deserto. Aguardem que vai sair tudinho aqui no blog.
**
Ainda repercutindo a bela festa do Dia do Jurista, promovida pela PGE, por inspiração de Gilberto Carneiro. Foi, como diria finado Josildo, um verdadeiro SU.
**
Chico Franca, sempre ético, sempre lúcido, sempre conciliador, um exemplo raro de homem bom.
**
E a briga do PPS promete novos capítulos, para deleite dos amantes da baixaria.
**
Reginaldo Pereira, prefeito de Santa Rita, é sem dúvida o administrador do século. De ré pra trás.
**
Soube que um grupelho queria usar a assembléia da Aspas para emitir nota de repúdio ao Tião Bonitão que vos fala, porém os homens lúcidos e sérios que lá estavam vetaram a palhaçada.
**
Em Jaguaribe uma farmácia está fazendo promoção do Viagra genérico.Cada comprimido está sendo vendido a 7 reais. Vai ser uma verdadeira farra e dela resultará considerável aumento de despesas para o bolsa família.
**
Dia 12 de setembro, pelas 20 horas, vamos todos ao lançamento do livro “Eu e Meu Pai – deputado José Pereira”, do ex-deputado Aloysio Pereira, na Academia de Medicina, ali na Pedro II.
**
O deputado Gervasio Maia anda muito irritado. Vendo-o pela TV Assembléia a gente percebe um inchaço considerável na veia do pescoço. E o nariz está maior do que nunca.
**
Faca Cega será, com mil merecimentos, o vereador do ano. Já Santino...
**
Por onde andará o senador Cicero Lucena?
**
Saudades de Marcos Pires, de Carlos Roberto de Oliveira e de Luis Torres. Um verdadeiro trio de três.
**
Parei hoje, espiei para trás e descobri que deixei de fazer muita coisa.
**
Barata Tonta estava mais inquieta do que de costume. Talvez em razão do efeito colateral do veneno.
**
E agora lá se vão meus abraços para Taciano Fontes, Danilo Freitas, Jonas Guedes, Raimundinho Nóbrega, Rinaldo Wanderley, Mário Nicola Delgado Porto, Odon Bezerra, Cleanto Gomes, Waldemir Azevedo, Balduino Lélis pai e filho, Bezinho Fernandes, Aracilba Rocha, Trocolli Junior, Edmilson Soares, Agnelo Muniz Fernandes, Anibal Marcolino, Zé Aldemir, Ovidio Mendonça, Caius Marcellus, Ariano Wanderley, Ricardo Lucena, Ramalho Leite e Dionisio de Vitalina.
**
Zé Maranhão no seu primeiro mandato de deputado estadual, chega a Araruna para a festa de São Sebastião e é logo cercado por um bando de moças. Ele, solícito, pergunta se elas querem beber alguma coisa, quando uma galega sassaricada salta do meio das outras e responde:
-Nóis só bebe oiski!

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 Porque Hoje é Sábado

Povo politiqueiro igual ao paraibano, estou pra ver. Fala e respira política às 24 horas do dia. Os jornais só falam de política, os portais só falam de política, as emissoras de rádio e TV só falam de política e quando não é política é polícia, de modo que não sobra nada para a rafaméia, a plebe ignara, a gente desimportante desse imenso território.
**
Agora mesmo, só se fala de Cássio, da candidatura de Cássio, da aliança de Cássio, se Cássio vai comer angu, chupar o tutano de uma galinha, dançar um miudinho no forró de Zé Alan, tomar umas na beira do São Gonçalo ou participar de uma partida de futebol com renda para aquela colunista que faz aniversário todo mês.
**
Enquanto isso, Cássio se cala, Ricardo emudece, Veneziano bota um riri na boca, Vitalzinho o imita e Zé Maranhão some do mapa, deixando para a raia miúda essa missão do disse-me-disse, do fuxico atrás da porta, da conversa de comadres, do miolo de pote sem futuro.
**
Se bem que tem muita gente, mas muita gente mesmo, aquela que cercava um governador que tomou o mandato de outro por vias obliquoas e, a bem da verdade, agia sem o conhecimento do chefe maior, doida pra ter de volta aquelas diárias felpudas que saíam no nome do laranja para financiar os almoços no Bar do Galo e as caminhadas periféricas pelos arrabaldes, onde até certas figuras idosas, balofas e com bisnetos, se enxeriam para mocinhas novinhas e eram flagradas praticando beijo de língua debaixo dos caminhões.
**
Dia 12 será o lançamento do livro de Aloysio Pereira, “Eu e meu pai, deputado José Pereira”, no Conselho Estadual de Medicina, ali na Pedro II, no prédio onde funcionou a antiga AABB.
**
Relutei muito, mas decidi: vou comemorar meu aniversário. Em dezembro farei uma festa de arromba para todos os meus amigos, com direito a buchada, bode assado, cachaça da boa e muito batuque. Aguardem detalhes.
**
Vavá da Luz decidido a não abrir mão do lançamento do meu livro na sua Ingá. E eu obedecendo, pois não sou doido para enfrentar a fúria da cobra caninana do indefecável Vavá.
**
A simpática panicat PiPiu foi filmada fazendo sexo com um homem desconhecido. E o pior: todo tipo de sexo que você imaginar, a moça fez. Nem a boca da quartinha escapou.
**
Vou começar, semana vindoura, uma enquete para ouvir o leitor se devo mudar meu jeito de escrever no blog. É que tem gente por aí achando que escrevo muita pornografia e firo a decência das boas famílias paraibanas.
**
Valter Agra toma posse terça-feira no Conselho Nacional do Ministério Público. Padre Albeni vai fazer a cobertura e depois apresentar tudo no seu programa “Bastidores”, da TV Master.
**
Nelsinho Negreiros foi nomeado secretário geral do Ministério da Viação. A posse ocorre semana vindoura no gabinete do ministro Moreira Franco, seu grande amigo.
**
A vereadora Eliza Virginia não merece críticas por suas manifestações contra o casamento gay e a liberdade sexual que está em voga no país. Ela, Eliza, tem o direito de ser como ela é e os que exigem respeito para suas práticas sexuais têm a obrigação de respeitá-la igualmente.
**
E agora lá se vão meus abraços para Inaldo Leitão, Solon Benevides, Ricardo Lucena, Venancio Medeiros, Ivan Burity, Olga Franco, Chico Franca, Delosmar Mendonça,Ariano Wanderley, Augusto Sérgio de Brito Pereira, Carlos Arthur de Almeida Pereira, Gilvandro de Almeida Guedes, José Souto Filho, Marcos Holmes, Renan Neves e Eduardo Videres de Albuquerque.
**
Do livro de Almir Carneiro da Fonseca, o grande desembargador que nos deixou esta semana:
“Na minha época de juiz não havia delegado bacharel em direito, nem advogado de ofício, nada. O juiz, coitado, era quem recebia queixas e reclamações (à semelhança do juizado de pequenas causas) a respeito de tudo quanto ocorria – briga de marido e mulher, desvirginamento, questão de terra, desentendimento entre vizinho, dano em roçado ocasionado por animais que andavam soltos, etc.
Miguel Levino estava em Cartório, quando chega um cidadão para lhe prestar uma queixa:
- De que se trata? – indaga Miguel Levino.
-É que, doutor, lá prus lado adonde moro existe um tarado, que é um estrupiço. Das minhas quatro fias moças, duas o safado já papou e ficou sem punição, porque ele só bole com as meninas quando tem certeza que elas já tem dezoito anos.
E Miguel Levino, carrancudo:
-Na sua casa não tem homem não?
-Tem, inhô sim, mas o desgraçado só gosta mesmo é de mulher.”

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

O ministro Joaquim Barbosa pode até estar certo, mas expor os colegas de tribunal ao ridículo como ele tem feito é, no mínimo, falta de ética.

**
Bancada cristã na Câmara já começou a sofrer desfalque antes mesmo de se formar. Pelo visto, a fé ali não remove montanhas.
**
De piaba em piaba Anisio Maia enche a urna.
**
Tadinho do prefeito de Princesa, liso, sem dinheiro, sem pagar a quem deve, merece urgentemente de uma campanha beneficente: doe ao prefeito que João Mandu lhe arruma uma vaga no céu.
**
Novas eleições em Soledade, julgamentos a todo vapor pelo país inteiro, mas as ações contra o prefeito de Princesa não andam.
**
O médico recomenda que eu não coma carne carregada. E comprada, posso?
**
Benjamin revoltado com os caciques do PMDB que querem puxar o seu tapete. E é porque Benjamin é sobrinho de Zé. Imagina se não fosse.
**
Cagepa deixando cano jorrar água por sete dias seguidos em Jacumã sem tomar providências. E olhem que não faltaram avisos.
**
Aquele executivo está com os olhos fundos e ao redor do fundo roxo. Também, quem mandou casar com mulher fogosa?
**
Wilson Santiago faz o que mesmo em Brasilia como representante da Defensoria Pública? Existirá paraibano pobre na forma da lei carecendo da assistência judiciária gratuita dele?
**
TRT interditou o prédio onde funcionavam sete secretarias de Estado, ali na Epitácio. E eu pergunto: quem vai interditar o prédio do TRT?
**
E por que o TRT não interdita o Manaíra Shopping?
**
E o Shopping Tambiá, não vai ser interditado também não?
**
O lixão voltou a Campina Grande. Primeira grande obra do prefeito Romero Rodrigues.
**
Em Santa Rita o prefeito fecha a buraqueira com barro. E quando chove, a cidade ganha uma bela camada de lama.
**
O Shopping de Bananeiras está sendo construído num terreno todo pelado, mas nem por isso os defensores da natureza deixaram de botar o dedo no meio do angu. Pense num povo confuzento!
**
Hoje é dia de feira em Princesa. Também tem feira na Torre. E eu sem poder comer cuscuz com bode.
**
Zé Lacerda anda mais apagado do que pavio de candeeiro sem gás.
**
Dilma subiu? Adonde?
**
Vereadores levam falta, têm o ponto cortado, mas o contra-cheque sai inteiro.
**
Hoje tem programa sem nome, um pouco de alegria nas manhãs de sábado.
**
E agora lá se vão meus abraços para Marcos Williams, Fred Coutinho, Manoel Abrantes, Fátima Bezerra, Glauberto Bezerra, Valberto Lira, Sagres Macedo, Janete Ismael, Otavio Paulo Neto, Gustavo Leite, Odon Bezerra, Abraão Beltrão, Irapuan Sobral, Marcio Roberto, Marcio Murilo, Venancio Medeiros, Joas de Brito Filho, Zeca Porto, Marcos Benjamin, Luciano Pires, Harrison Targino, Roberto de Luna Freire, Ronaldinho Cunha Lima, Manoel Arnóbio e Miguel de Brito Lira.
**
O sujeito esta dirigindo seu carro quando um policial o aborda. Educadamente, o sujeito abaixa o vidro e pergunta:
- O que houve seu guarda?
- Não sei se o senhor ficou sabendo, mas seqüestraram o Sérgio Amaral. Os seqüestradores estão pedindo 600 mil reais pelo resgate, e caso o dinheiro não seja pago, eles jogarão gasolina no Sérgio e o queimarão vivo. Portanto estamos pedindo ajuda aos motoristas. O senhor gostaria de contribuir?
- Quanto na média estão doando?
- Entre 5 e 6 litros.

 

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

 Três bons amigos tomam posse, semana vindoura, na Academia Paraibana de Letras Jurídicas: Josinaldo Malaquias, Carlos Aquino e Ovídio Lopes de Mendonça. Com certeza os três iluminarão com a sua vasta bagagem jurídica aquela instituição. Mando meus parabéns e farei tudo para assistir a festa.

**
A Praça do Coronel Zé Pereira transformada em chiqueiro de pintos é o máximo que eu poderia esperar da desastrada administração municipal daquela que, um dia, foi a cidade mais importante da Paraíba.
**
Funcionários do TJ reclamando que estão negando os seis meses de licença maternidade. Isso precisa ser melhor explicado, porque, no caso, o TJ, por ser a casa que aplica a lei, não pode dar o mau exemplo.
**
Aquele juiz que está preso e processado, acusado de facilitar sentenças para advogados, deveria entender que ele é o réu e o desembargador Joás é o magistrado que o está investigando.E que, tentando jogar lama no nome honrado de Joás, ele só faz ficar mais lascado ainda.
**
Neste domingo dos pais os meus meninos vão se reunir comigo em Jacumã pra gente comer carne assada com guaraná, já que a minha quarentena etílica vai me deixar abstêmio até depois do Sete de Setembro.
**
O Troodon de Sousa continua sendo o point dos bons encontros. Todo final de semana tem show e muita alegria. E eu aqui, só na roedeira.
**
Por onde andará Arlindo Monteiro de Carvalho?
**
Nadando no dinheiro mandado por Dilma, o prefeito Luciano Cartaxo prepara mais festas.
**
Bananeiras continua animada, com eventos em cima de eventos, todos culturais e de muito bom gosto.
**
E haja promoção para o dia dos pais, os bestas gastando e os comerciantes ficando ricos.
**
Em setembro vou a Princesa. A saudade ta doendo no peito.
**
O deputado João Henriques, com aquele paletó jerimum, a camisa xadrez e a gravata listrada, é, sem dúvidas, o mais elegante da Assembléia.
**
Engraçado, ao político corrupto, safado e desonesto, a Justiça Eleitoral aplica a multa mínima de 5 mil reais. Ao jornalista que publica uma modesta enquete, sem maiores pretensões, a multa mínima é de 54 mil.
**
Com o novo pensamento predominando no STF, os deputados do mensalão lavaram a égua.
**
Segunda volto ao Conexão Master, ao lado de Alex Filho, do Padre Albeni, de Heraldo Nóbrega, do Professor Damião e do talentoso Célio Alves.
**
E agora lá se vão meus abraços para Maria Mumbaça, Toinha Baú, Rita Quarto de Bode, Socorro Rouca, Expedita de Aderbal, Pixuita, Lindalva, Bola, Lourdes de Zé de Totô, Maria de Benedito, Maria Catabi, Maria Preá, Antonia Cega e Rosa Caracaxá.
**
O médico Italo Kumamoto, receitando o conterrâneo Pedro André, o dono do sítio Várzea:
- o que te trouxe aqui?
Seu Pedro:
- o taxi.
- desculpe, não fiz me entender, vamos de novo: o que você tem?
- uma fazenda, 3 mil cabeça de gado, plantação de palma, galinheiro, porcada etc.
- vamos ver se você me entende: o que você sente?
- sinto vontade de vender tudo e vim morar na cidade!

 

Olha só quem fala! - Tião Lucena

Recomendo aos meus coleguinhas que têm blogs e colunas, tanto na internet quanto na imprensa escrita em papel, que manerem nas suas defesas ao governo, para evitar que os outros, aqueles que passam as 24 horas do dia metendo o pau em Ricardo Coutinho, tenham uma bilôla.

Esse pessoal anti-Coutinho aceita tudo, menos alguém exercitar o livre direito de se manifestar diferente do pensamento xiita que impera na sua mente cheia de convencimento.
Lendo conhecido escriba, a quem tenho estima, vi o tamanho da sua revolta por causa da publicação de textos anunciando a condenação ao ex-prefeito Veneziano Vital do Rego. Percebi o ódio saindo do papel, as letras tremendo de raiva, enquanto as palavras grosseiras e ofensivas arrebentavam os olhos e os ouvidos de quem as lia.
Falar contra Ricardo Coutinho pode, é bonito, lindo de viver. Falar a favor é exercício de bajulação, chaleirismo e falta de caráter, como disse com todas as letras o dito articulista, referindo-se a todos, sem restrições.
Teria o próprio isenção pra dizer tamanho disparate? Logo ele, que em tempos recentes fazia loas a um governo questionado até pelas putas da Maciel Pinheiro.E não satisfeito, anunciava seu voto no dito cujo na própria coluna, com o intuito de induzir seus leitores a fazerem o mesmo.
Fiquei triste, pois ao generalizar, o meu querido jornalista me incluiu na lista dos bajuladores, chaleiras e sem caráter. E ele sabe que não sou nada disso. Semelhantemente a ele, tenho coragem de botar a cara a tapa e expressar meus sentimentos.
Tenho, por outro lado, estrada percorrida o suficiente para fazer uma triagem e concluir que Ricardo Coutinho é melhor como governador do que estes que afagam o ego do meu amigo. Pelo menos trabalha, não enrola e não transforma o governo numa dispensa familiar, servindo-se dele como se os bens públicos fossem seus.

Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena

Sou um homem de muitos amigos, mas alguns desses amigos chegam a me surpreender pelas suas atitudes extremadas. Durante esse período em que me restabeleço de uma diverticulite, tive a oportunidade de me surpreender, por exemplo, com Eilzo Matos, o imortal da Academia e velho companheiro de tertúlias etílico/boêmias pelas bibocas daqui e de alhures. O homem veio do sertão com um queijo de manteiga na bagagem e um pacote de biscoitos de goma para ajudar no meu regime. Coisa singela, porém carregada de uma demonstração de amizade que me tocou no mais profundo recanto do coração.

**
Outros também se manifestaram, demonstrando inquietação, preocupação e zelo, a exemplo de Vavá da Luz (diariamente ligando), Helder Brito, ligando de Campina;Geordie Filho e Vanderléia, vindo aqui em casa; Carmelo e Geane, fazendo a mesma coisa; o mano Edmilson vigiando meus passos, Miguelzinho lá de longe, de Brasilia, fazendo recomendações alimentares; as minhas irmãs Nininha, Neci e Dorinha telefonando para saber como estava a saúde; Chico Pinto e o seu perguntar diário sobre o mesmo assunto, Marco Antonio, eterno companheiro de batente, me acordando logo cedo para saber o andar do tratamento; Otávio Paulo Neto, amigo que também se preocupou, meus filhos,meu genro, minha nora, meus netos e a minha dedicada Cacilda, esse tesouro que Deus me deu de presente há 36 anos,que nos dias mais preocupantes ficou sem pregar o olho, vigiando meu sono, patrulhando o meu andar.
**
Também meus cunhados Marcondes e Tânia ligando e desejando pronto restabelecimento; Alysson Filgueiras, a quem conheci como assessor e de quem me tornei irmão, mandando até dieta para eu seguir; Carlos Candeia, meu vizinho em Bananeiras, se colocando a disposição; Angela e Aldo Araújo, velhos companheiros de lutas, me desejando pleno restabelecimento; Alex Filho, dileto amigo e companheiro de Conexão Master, emprestando solidariedade e se dispondo a qualquer precisão, além do meu médico, Glaucio Nóbrega, a quem entreguei minha saúde e pelas suas mãos, com a devida supervisão de Jesus Cristo, da crise estou saindo.
**
E como a vida continua, continuemos vivendo.Hoje é sábado,mas será sábado sem cuscuz e sem bode na Torre. O regime de Dr. Gláucio é severo: só comer coisa mole para não endurecer a bosta.
**
Falar de política aqui neste espaço está ficando penoso. O jogo pesado de parte a parte nos obriga a puxar o freio de mão e olhar se vale a pena entrar no embate, servindo de bucha de canhão para um lado ou para o outro.
**
A estrada de acesso a Bananeiras, naquele trecho depois da entrada para Belém, está esburacada que é uma beleza. Se alguém ali inventasse de vender pirulito, nem precisaria fabricar a tábua, bastava enfiar os docinhos no asfalto.
**
O Nordeste, finalmente, superou as demais regiões do país no quesito longevidade. Pois é, o nordestino aumentou sua média de vida. Agora vai aos 72. Imagine se por aqui não existisse seca.
**
Meu conterrâneo Bezinho Fernandes é o mais novo secretário da Prefeitura de Princesa. Um secretário de qualidade, com potencial para brilhar, como já brilhou noutros cargos que exerceu ao longo da vida.
**
Tubarões invadem Jacumã, denuncia Marcos Maivado Marinho, campinense com bela vivenda na aprazível Carapibus.
**
O meu livro “A Guerra de Princesa” está sendo mandado pra gráfica esta semana. A editora Bagaço, de Pernambuco, se encarregará de sua distribuição no país inteiro. Depois a gente marca o lançamento aqui em João Pessoa, em Princesa, em Monteiro, em Guarabira, em Sousa e em Bananeiras. E estamos abertos a novos convites.
**
E agora lá se vão meus abraços para o Papa Francisco, a Rainha Elizabeth, o príncipe Charles, Barack Obama, Michel Teló, Ratinho, Sidney Magal, Roberto Carlos, Roberta Miranda, Joaquim Barbosa, Debora Seco, Malu Mader, Tarcisio Meira e Xuxa.
**
A mocinha, tida e havida como donzela virgem, que nunca sequer segurou na mão de um homem, de repente sentiu-se mal, começou a suar frio, teve desmaio e tornou gemendo alto, dizendo que estava com uma dor “no apêndice”.
A mãe, preocupada, perguntou como ela sabia que a dor era no apêndice e a filhinha inocente, apontando para o local onde doía, explicou:
- Eu sei porque está doendo no lado esquerdo de quem entra”.

Sidebar Menu