Gente da minha terra - Adylla Rocha Rabello



Adylla Rocha Rabello - nasceu na cidade de João Pessoa em 5 de Dezembro de 1934.
Filha de Francisco Soares Rocha e Anna de Abreu Rocha. Casada com Humberto Lins Rabello, já falecido, são seus filhos Célida, Humberto Flávio, Roberto Cláudio, Gerardo e Celeida.

Seus primeiros estudos foram no Grupo Escolar Tomaz Mindelo, concluindo os cursos de 1º e 2º graus no Colégio Nossa Senhora das Neves.

Graduou-se em Letras (Licenciatura Plena) pela UFPB, por onde se habilitou em Português e Francês em 1982.

Fez Especialização em Língua e Literatura Francesas, concluindo em 1983, quando apresentou uma monografia intitulada À propôs d’um recueil de Paul Eluard.
Em 1989 concluiu seu Mestrado em Letras, abordando o tema Literatura Brasileira, aprovada com distinção e louvor.

Concluiu também os cursos de Língua Francesa, na Associação de Cultura Franco-Brasileira (1970); Língua Francesa (er. degré), pela Universidade de Nancy II, na França, realizado através da Aliança Francesa de João Pessoa (1972); CEPAL, correspondendo a 640 horas (1974); Língua Francesa (2 ème degré), através da Aliança Francesa de João Pessoa (1974); cursou até o 5º Estágio de Língua Inglesa na Cultura Inglesa de João Pessoa.

Entre suas atividades profissionais, exerceu as funções de Professora de Língua Francesa no Sistema Educacional IMPACTO Ltda., em João Pessoa, de Maio a Dezembro de 1980; Professora de Português da Secretaria de Educação e Cultura do Estado, lecionando na Escola Estadual de 1º grau Profª. Luzia Simões Bartolini, em 1981; Guia e Intérprete da Língua Francesa no Museu da Fundação Casa de José Américo, em João Pessoa, de 1982 a 1985, sendo depois Diretora do Museu no período de 1985 a 1986; Diretora de Programação Cultural da FCJA, de 1986 a 2001; Professora do Curso de Literatura Paraibana do Projeto Salas de Leitura e Interpretação de Textos da Fundação Casa de José Américo, de 1987 a 1988.
Exerceu, ainda, a função de Pesquisadora colocada à disposição do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da UFPB; Professora de Língua Francesa no Instituto Padre Malagrida - Juniorado Interprovincial dos Jesuítas do Brasil, em João Pessoa, de 1989 a 1992; Professora de Língua Francesa no Departamento de Línguas Estrangeiras Modernas - DLEM, na UFPB, a partir de 1992; Chefe de Gabinete do Presidente do Tribunal de Contas do Estado – Conselheiro Flávio Sátiro Fernandes, de 2001 a 2002.

Exerceu a Chefia de Gabinete do Conselheiro Flávio Sátiro Fernandes, desde 2003. Pertence ao Conselho Estadual de Cultura e é sócia efetiva da Academia Paraibana de Letras. Além de participar em vários congressos e simpósios como expositora, pronunciou inúmeras conferências e publicou vários artigos no Correio das Artes, suplemento literário do jornal A União, nos jornais da Capital e em revistas especializadas.

Seus principais livros publicados são: Dados Bibliográficos de Ivan Bichara, João Pessoa, Fundação Casa de José Américo (1995); Discurso de posse na Academia Paraibana de Letras, João Pessoa, APL (1996); Abelardo Jurema – De Prefeito de Itabaiana a Ministro da Justiça, João Pessoa, A União Editora (2000); O Verbo amar em três tempos, João Pessoa, A União Editora (2001).Ingressou no IHGP no dia 5 de Dezembro de 2003, tendo sido saudada pelo historiador Flávio Sátiro Fernandes.

 

Do livro ‘Nomes que fizeram e fazem história na Paraíba‘de Camilo Macedo

 

 





Comentários


Comentar


Sidebar Menu