Veneziano diz que Maranhão tem até abril para provar que candidatura tem viabilidade eleitoral



 

O senador José Maranhão (MDB) tem um prazo para garantir aos deputados estaduais e federais de seu partido que sua postulação a governador tem viabilidade eleitoral. De acordo com o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (MDB), o dirigente partidário tem até 6 de abril para provar que tem apoios suficientes para emplacar uma candidatura majoritária e não sacrificar a chapa proporcional. Ele disse ainda que os parlamentares não estão dispostos a se submeterem a um “jogo quase suicida”.

“O senador tem um prazo fatal que é 6 de abril. Se ele não apresentar aos membros do MDB que concorrem à Assembleia e à Câmara parceiros para uma composição, não vai adiante. Ele pode até pretender porque tem um mandato preservado por quatro anos. Agora, ele não vai convencer os candidatos a estadual ou a federal de que a sua candidatura possa ir adiante se não apresentar de forma concreta outros parceiros que consolidem as legítimas pretensões dos deputados estaduais e federais”, deixou o recado.

Veneziano observou que o MDB não pode apostar que a sorte das eleições de 2014, quando o partido elegeu três deputados federais, se repita em 2018.

“A situação de Hugo, de André, a minha situação, de Jullys Roberto, de Ricardo Marcelo, de Nabor Wanderley e de outros deixam de existir minimamente porque ninguém vai entrar mais naquele jogo quase suicida que foi em 2014”, concluiu.




Comentários


Comentar


Sidebar Menu