Porque Hoje é Sábado - Tião Lucena


Não houve barrigada no caso do deputado Zé Lacerda. Ele, realmente, aceitou permanecer no Governo, até chorar, chorou, mas quando chegou em casa aconteceu alguma coisa que o fez mudar de idéia. A imprensa que noticiou a sua permanência não pode pagar o mico do fica, não fica, terminou não fondo. Isso eu não engulo e se for preciso provarei.
**
Aliás, estou de saco cheio com esses políticos que vivem pulando num pé só como disse Raissa. Pulem, mas deixem os jornalistas em paz.Atendam suas conveniências, mas não nos usem.
**
O juiz que mandou o prefeito suspender as festas para comprar medicamentos agiu certo, embora eu ache que uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. Ou seja: a verba do carnaval é uma e a do remédio é outra, de modo que, se o prefeito gastar a do carnaval com remédio, ou vice-versa, vai ter problemas com o Tribunal de Contas.

**
O governador Ricardo Coutinho não vai ter que provar nada a ninguém. Essa missão caberá aos que viviam endeusando ele e agora, por oportunismo, vão começar a descobrir defeitos nele.
**
Hoje, no Programa Sem nome, muita coisa vai aflorar. É só conferir na 100.5 ou indo ao portal de Tony Show, onde encontrará um link pelo qual poderá nos ver via internet.
**
O meu livro “A Guerra de Princesa” está na relação dos paradidáticos adotados por colégios aqui de João Pessoa.
**
Falar em livro, sexta vindoura, pelas sete da noite, lançamento do livro de Ada Barros na Academia Paraibana de Letras.
**
Antonio de Souza montou escritório de contabilidade e consultoria na João Machado. Pelo visto, cansou do PMDB.
**
Isenção ao máximo na CBN de João Pessoa. KKKKKKKKKKK
**
Hoje tem feira livre. O pessoense vai descobrir que os preços subiram, que a galinha não é mais carne de pobre e que Dilma não é a presidente dos seus sonhos.
**
Donadon, se dependesse, dos deputados federais da Paraíba, ainda estaria com mandato. Que vergonha!
**

Eufórico, o vice-prefeito Nonato Bandeira comunica ao distinto público que recebeu aval do PPS nacional para fazer aliança com Cássio Cunha Lima, caso Cássio Cunha Lima seja mesmo candidato a governador.Quem deve ter gostado disso foi Nadja Palitot.

Aliás, estranha-se o silêncio do senador Cásio. Até agora só falam por ele, esperam por ele e ele nada. O primo Ivanhoé falou que ele é candidato a governador. Mas o eleitor espera pela palavra do lider.

**
E agora lá se vão meus abraços para Marcelo Weick, Francisco Sagres, Marcelo Piancó, Rubem Junior, Assis Camelo, Felix Araujo, Ronaldinho Cunha Lima, Silvia Cunha Lima, Glauce Burity, Veronica Guerra, Harianne Arruda, Dada Novais, Cida Lobo, Leila Oliveira, Cleane Costa, Marcondes Gadelha, Ramalho Leite, Zeca Pagodinho e Pirrita Barreto.
**
Dona Lídia, viúva de 80 anos, morava sozinha com o neto Uosto, de nove, quando adoeceu do intestino. Arnaldo da Farmácia passou-lhe um supositório e ela, entrevada, pediu ao neto para colocar o bicho. Ficou de quatro e mandou o neto enfiar. O menino pegou o supositório e ficou olhando, em dúvida, até que resolveu perguntar:

-Vó, é para enfiar no franzido ou no da "urêia" arriada?





Comentários


Comentar


Sidebar Menu