Hervázio desdenha de demora na definição da chapa da oposição

Além do ex-secretário João Azevêdo (PSB), a chapa da base governista já tem o nome do deputado federal Veneziano Vital (PSB) confirmado em uma das vagas para o Senado Federal. Restam ainda as vagas de vice, a outra de senador e suas suplências.

Enquanto isso a oposição na Paraíba ventila vários nomes, porém, ainda não se definiu por nenhum para nenhum dos postos. Para o líder do Governo, Hervázio Bezerra (PSB), pelo andar da carruagem, a chapa completa da situação deverá ser anunciada antes mesmo que o nome da oposição par ao Governo.
“Nada impede que, em um curto período de tempo, já que estamos conversando há um bom período, nada impede que se anuncie até mais rápido do que a Oposição decida quem são verdadeiramente seus pré-candidatos”, disse, ao ironizar a demora dos adversários em definir seus quadros.

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) reagiu a ironia e pediu que Hervázio, em vez de cutucar a oposição, e cuidasse em resolver a Guarda pessoal aprovada para ex-governadores, com dinheiro do povo.

“Ao invés de se preocupar com a chapa de oposição o deputado deveria se preocupar com a Guarda pessoal para ex-governadores bancada com o dinheiro do povo, rebateu.

 

PB Agora


Em menos de um ano, Cássio destina R$ 50 mil do cotão para pagar pesquisas à 6 Sigma

Paraibaja.com.br
Por Feliphe Rojas - 23 de abril de 2018 às 12:160


Levantamento realizado pela reportagem do Paraíba Já, junto ao Portal da Transparência do Senado, revela que o tucano Cássio Cunha Lima gastou pouco mais de R$ 253 mil entre 2016 e hoje de verbas públicas com “contratação de consultorias, assessorias, pesquisas, trabalhos técnicos e outros serviços de apoio ao exercício do mandato parlamentar”.

Segundo levantamento do G1, repercutido no Paraíba Já, Cássio foi o 3º senador que mais gastou com a modalidade em 2017.

Do montante gasto por Cássio no período checado pela reportagem, destaca-se o fato de que quase 1/5 do valor total, R$ 50 mil, foram destinados à empresa 6 Sigma, responsável por pesquisas eleitorais no âmbito da Paraíba apenas entre 13 de junho de 2017 e 1 de março deste ano.


Vídeo - Equipes do Samu teriam ido de ambulâncias à festa durante plantão em Mamanguape

 Equipes do Samu teriam ido de ambulâncias à festa durante plantão em Mamanguape
coordenadora postou no Facebook a comemoração, mas apagou a postagem ao notar a péssima receptividade das imagens


Por Correio da Paraíba
 

Postagem foi feita pela coordenadora do serviço do Samu na cidade de Mamanguape nas redes sociais (Foto: Reprodução)
Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Mamanguape, Litoral Norte da Paraíba, teriam interrompido o expediente da noite de sábado (21) para participar de uma festa de aniversário na casa da coordenadora da equipe.

Em foto postada por ela no Facebook, seis profissionais aparecem fardados na comemoração. “Pega de surpresa ainda há pouco pela melhor equipe Samuzeira desse Brasil: a minha!! Quase me matam!! Obrigada por todo carinho!!”, escreveu a coordenadora na legenda.

Um vídeo feito por moradores da região denunciam que os profissionais do Samu teriam usado duas ambulâncias para se deslocarem até o local da festa. As imagens mostram uma Unidade de Suporte Avançado (USA), espécie de UTI Móvel, e uma Unidade de Suporte Básico (USB) na rua da casa onde aconteceu a comemoração.


Reconstituição mostra verdadeira face de Dom Pedro I

 Reconstituição mostra verdadeira face de Dom Pedro I
Com nariz fraturado, acidente que nunca foi relatado, rosto do primeiro imperador do Brasil mostra um homem não tão bonito quanto se imaginava

Por Redação com UOL e BBC
Rosto era diferente do retratado nas pinturas da época (Foto: Reprodução)
A despeito de sua imagem de sedutor e galã, o primeiro imperador do Brasil, Dom Pedro I, não era tão garboso quanto ilustram as pinturas oficiais daquele tempo, que estampam livros escolares e povoam o imaginário do brasileiro.

Uma inédita reconstituição facial feita em 3D a partir de fotografia do crânio do monarca mostra um homem com o nariz com uma deformidade em decorrência de uma suposta fratura ocorrida em vida, que não teria sido tratada de maneira adequada e nunca descrita na literatura especializada.

A reconstrução realista da face do imperador é resultado de um projeto idealizado pelo advogado José Luís Lira, professor da Universidade Estadual Vale do Aracaú, do Ceará. Ele adquiriu os direitos sobre uma fotografia realizada em 2012, quando os restos mortais do imperador foram exumados da cripta localizada no bairro do Ipiranga, zona sul de São Paulo, para um estudo científico realizado pela Universidade de São Paulo (USP).

Devidamente autorizado pela Casa Imperial do Brasil - cujos representantes, herdeiros de Dom Pedro I, zelam por sua memória -, convidou o designer Cícero Moraes para realizar o trabalho de reconstituição.

As imagens foram encaminhadas ao perito legista Marcos Paulo Salles Machado, chefe do Serviço de Antropologia Forense do Instituto Médico Legal (IML) do Rio de Janeiro e ex-presidente da Associação Brasileira de Antropologia Forense (ABRAF).

Sem saber que se tratava do crânio de D. Pedro, ele estimou a idade como sendo de um adulto jovem - o primeiro imperador do Brasil morreu em 1834, pouco antes de completar 36 anos - de origem europeia. E cravou que o mesmo havia sofrido uma fratura no nariz. "O crânio dele tem uma deformação nos ossos nasais que sugere uma lesão, fruto de ação contundente da esquerda para a direita. Ele pode ter batido com o nariz e sofrido uma pequena fratura nessa região", disse o perito, à BBC Brasil.

De acordo com o escritor e pesquisador Paulo Rezzutti, autor da biografia ‘D. Pedro: a História Não Contada - o Homem Revelado por Cartas e Documentos Inéditos‘, não há nenhum registro de que o monarca tenha quebrado o nariz em vida. Mas quedas de cavalo eram comuns na vida atribulada do imperador. "Ele teve uma queda feia em 1824. E, alguns anos depois, teve um acidente ainda mais grave de carruagem na Rua do Lavradio, no Rio de Janeiro", pontua o biógrafo.
Reconstrução

Lira conta que tomou a iniciativa de conduzir a reconstrução facial do imperador por admirar sua biografia, de "um liberal para sua época, defensor do pensamento constitucional em detrimento ao absolutismo então reinante".

Ele conta que desde 2015 vinha conversando com o tetraneto de Pedro I, Bertrand de Orleans e Bragança, de quem obteve a autorização para realizar o procedimento a partir de imagens coletadas durante a exumação do imperador, em 2012. Lira, então, adquiriu uma imagem realizada na época e contou com os trabalhos do designer Cicero Moraes. "É uma alegria poder fazer com que todos os brasileiros conheçam a verdadeira face do homem que proclamou a Independência do Brasil e foi nosso primeiro imperador", afirmou Lira.

 


O processo de reconstrução foi um pouco diferente do convencional, já que Moraes contava com apenas uma imagem. "Entretanto, a superfície que sustenta o crânio é reflexiva, então é como se tivéssemos duas imagens. Com duas imagens podemos fazer triangulações tridimensionais e obter pontos importantes do crânio", explica ele. "O que fiz foi utilizar um doador virtual, ou seja, um crânio tridimensional de outro indivíduo, e adaptar a estrutura deste doador ao crânio de Dom Pedro I. Ao final do processo consegui fazer um ‘match‘ entre a foto e o modelo 3D."

O designer avalia que o imperador "era um homem de aparência agradável". Mas ressalta o "nariz assimétrico". "Essa assimetria é bastante atenuada quando a captura da face é feita levemente pela lateral", sugere.
Gente como a gente

De certa forma, a face realista de D. Pedro I pode corroborar mais ainda a noção popular que ele era um homem muito mais próximo do povo do que da nobreza.

Segundo seu biógrafo Paulo Rezzutti, é essa característica popular que faz de D. Pedro um personagem tão simpático ao imaginário brasileiro.

"Porque ele foi, como o caipira diz, ‘gente como a gente, de bunda atrás e nariz na frente‘", afirma. "D. Pedro foi tão escrachado em tudo o que fez que não tem como deixar ao menos de gostar de sua autenticidade. Ele foi criado nas ruas do Rio de Janeiro, com o povo, gostava de música e de farra, como qualquer adolescente até hoje. O problema é que ele foi mulherengo a vida toda e isso deixou marcas profundas na forma como as pessoas passaram a vê-lo."

Pesquisadores costumam concordar que o grande legado de D. Pedro I ao Brasil - além, é claro, da própria independência - foi a Constituição de 1824, a primeira do País.

"Nela, são vistos os ideais liberais de D. Pedro I. E ela durou até a queda da monarquia, em 1889 - é a Constituição mais longeva que o Brasil já teve", conta Rezzutti.

"A Constituição de 1824 mostra, de forma explícita, o seu interesse pela educação no Brasil, em que determinava que ela deveria ser dada para todos, independente de cor, religião, credo ou posição social. A criação dos cursos Jurídicos no Brasil, em 1827, foi obra de sua gestão como imperador do Brasil."

"O maior legado de D. Pedro I para o Brasil foi a Constituição de 1824", concorda a historiadora Isabel Lustosa, autora de ‘D. Pedro I - Um Herói Sem Nenhum Caráter‘.

"Apesar de ter sido uma constituição outorgada, quer dizer, dada pelo imperador à nação, depois dele ter dissolvido a Assembleia Constituinte em novembro de 1823, adotar uma forma de governo constitucionalista em um ambiente internacional dominado pela Santa Aliança foi uma atitude revolucionária. Foi uma constitucional liberal e avançada para o tempo, incluindo direitos e garantias individuais."

Orleans e Bragança, o tetraneto do imperador, é de opinião semelhante. "D. Pedro I é o responsável pela nossa unidade territorial - e também política, psicológica e social. Além da Independência, também nos legou a Constituição de 1824, que não era casuística como a atual Constituição Brasileira", diz ele.

Enquanto fazia a imagem de D. Pedro, o designer Moraes pensava na proximidade que um personagem de tal dimensão tem na vida do brasileiro. "É como um amigo, um parente, alguém que conviveu com a gente em parte considerável da vida", comenta, lembrando que imagens do imperador são mostradas na escola e em produções da cultura pop.

Recentemente, Moraes também reconstruiu em 3D o que se supõe ser a verdadeira face de São Valentim, o santo padroeiro dos namorados.


Ricardo Coutinho autoriza implantação de adutora e vai levar água para 1.800 moradores de Areia

Paraibaja.com.br
Por Thaysa Videres - 22 de abril de 2018 às 14:110


O governador Ricardo Coutinho assinou, neste sábado (21), a ordem de serviço autorizando a implantação da adutora do Distrito de Mata Limpa, em Areia. Cerca de 1.800 habitantes serão beneficiados com o sistema de abastecimento de água que representa mais de R$ 1,3 milhão de investimento. Prefeitos, deputados estaduais, auxiliares do Governo e lideranças da região participaram da solenidade.

Na ocasião, Ricardo Coutinho enfatizou que cada obra hídrica que se inicia representa o esforço do Governo do Estado em levar mais qualidade de vida para a população paraibana. “É um prazer enorme voltar a esta cidade para trazer mais essa boa notícia para o povo. Vamos fazer a adutora de Mata Limpa, um desejo antigo da população e os recursos já estão garantidos. Investiremos R$ 1,3 milhão na execução da obra e o quanto antes voltarei aqui para tomar banho na água que sairá das torneiras”, garantiu.

A obra compreende uma Estação Elevatória de água tratada com vazão de 24 m³ por hora; adutora em tubos de ferro e PVC Vinilfer; reservatório elevado com capacidade de 200 m³; rede de distribuição com extensão total de 1.080 metros e execução de 450 ligações domiciliares.

“Essa população não tem água tratada nas torneiras e estamos aqui para compartilhar a alegria deste Governo em começar a realizar o sonho desses cidadãos. Em breve, Mata Limpa vai ter abastecimento de água com qualidade diariamente”, pontuou o secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, Deusdete Queiroga.



O deputado estadual Tião Gomes relembrou os momentos de luta para que a adutora tivesse início e ressaltou a satisfação de participar de um momento tão significativo para as famílias de Mata Limpa. “Lutamos muito para que esta adutora saísse do papel e ver a ordem de serviço sendo assinada é uma grande felicidade. Em pouco tempo quero voltar aqui para dizer que, após 35 anos de reivindicação, a adutora de Mata Limpa se concretizou”, afirmou.

Para dona Maria Albina, de 75 anos, a adutora significa vida nova para os moradores de Mata Limpa que sofrem diariamente com a falta de água. “Hoje temos que nos virar com a água sem qualidade das cisternas. É uma água barrenta, com gosto de ferrugem, muito ruim. Quando essa obra ficar pronta vai ser uma bênção, porque finalmente teremos água nas torneiras”, disse.

A professora Glória Felizardo também é moradora do Distrito de Mata Limpa e, assim como dona Maria Albina, também está muito feliz em ver o início da adutora. “Esta é uma obra super esperada pelo povo de Mata Limpa que merece ter água de qualidade nas torneiras. Agradeço ao Governo por olhar por nós e resolver construir essa adutora tão importante para esta área”, falou.


Marinha anuncia novo concurso Com salários iniciais de R$ 11 mil

Com 27 vagas disponíveis, a Marinha anunciou a abertura das inscrições para um novo concurso público. Os classificados integrarão o Quadro Técnico do Corpo Auxiliar da instituição de defesa nacional. Os candidatos devem ser brasileiros e com idade até 35 anos.

Há oportunidades para formados nas áreas de Comunicação Social, Direito, Informática e até Oceanografia. Veja edital. O prazo final para as inscrições é o dia 26 de maio. A taxa custa R$ 120. Clique aqui para realizá-la.

Os aprovados devem receber um valor inicial de R$ 11 mil, além de benefícios.


Unipê teria sido vendido para grupo educacional por milhões de reais

Uma transação milionária teria resultado na venda do Unipê Centro Universitário de João Pessoa para o grupo Cruzeiro do Sul Educacional, de São Paulo. De acordo com informações de fontes do mercado, a negociação entre o grupo paulista e o pessoense teria envolvido cifras que contabilizam ao menos nove dígitos.

O negócio não foi oficialmente anunciado e as partes não se manifestaram de forma pública sobre o assunto. A reportagem do Portal Correio entrou em contado com o grupo Cruzeiro do Sul Educacional por meio de ligações e e-mails, mas até o fechamento desta matéria não foi enviada resposta.

Essa seria a 10ª instituição de ensino superior que oferece cursos de graduação, pós-graduação presenciais e à distância e programas de extensão, adquirida pela Cruzeiro do Sul Educacional, que se agiganta cada vez mais no mercado de educação superior. O grupo conta ainda com colégios de ensino fundamental e médio na capital paulista e em várias cidades do interior de São Paulo. Fundada em 1999, tem em torno de 10 mil alunos em Caxias do Sul e Bento Gonçalves.

O Unipê
O Centro Universitário ocupa uma área de trinta hectares e está localizado próximo à Mata do Buraquinho – reserva urbana de Mata Atlântica. O Unipê tem, atualmente, 25 cursos de nível superior, sendo 13 de bacharelados, um de licenciatura e 11 superiores de tecnologia. Além disso, oferece Especialização e MBA, Mestrado em Direito e Cursos de Educação à Distância.

Correio da Paraíba


Renan diz que MPF não pode ser medido pela ‘régua imunda‘ de Janot e outros procuradores da Lava-Jato


Senador usou as redes sociais neste domingo para criticar a intenção do ex-procurador-geral de disputar vaga no Conselho Superior do Ministério Público Federal
ME Marcelo Ernesto
postado em 22/04/2018 15:18 / atualizado em 22/04/2018 16:42

Renan Calheiros

@renancalheiros
Janot agora quer entrar no Conselho Nacional do Ministério Público. Ele e sua turma foram pegos fazendo jogo duplo e com a mão na botija. Mesmo assim, o ex-procurador quer uma vaga para fiscalizar a sucessora. Quer ser o sentinela à porta de Raquel Dodge. Por que será?

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) usou as redes sociais neste domingo para fazer críticas ao ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que pretende se candidatar a uma vaga no Conselho Superior do Ministério Público Federal. Segundo o emedebista, Janot pretende ser “sentinela à porta” da sucessora Raquel Dodge.

Além de Janot, Renan ainda disparou críticas a outros integrantes do Ministério Público que atuam na Lava-Jato os acusando de “nivelar culpados com inocentes”. “Onde chegamos...triste Brasil”, afirmou.
Continua depois da publicidade

Janot sobre Aécio: discurso vazio que tentava invalidar tudo virou sal na água
"O Ministério Público Federal, que, na constituinte e depois, como presidente do Congresso Nacional, ajudamos a tirar do papel, não pode continuar sendo medido pela régua imunda do Janot e dos doidivanas Eduardo Pelella, Deltan Dallagnol, Anselmo Barros Marcelo Miller, que foram pegos com a mão na botija da JBS", dispara Renan.

Para atacar Janot, Renan recorreu à literatura brasileira ao comparar o ex-procurador-geral ao personagem de Machado de Assis, em “O Alienista”, Simão Bacamarte. “Seria Janot o Bacamarte de hoje?”, questiona.

No enredo, o médico interna todos os moradores da cidade achando que eram doidos e, por fim, acaba se internando também, ao perceber que o doido, na verdade, era ele. Os outros integrantes do Ministério Público citados pelo senador também se enquadram no quadro de “doidivanas”.


Integram o conselho quatro subprocuradores-gerais da República, eleitos pelo colégio de procuradores, e mais quatro subprocuradores-gerais eleitos pelos membros do próprio colegiado.

O CSMPF é o órgão máximo de deliberação do Ministério Público Federal e tem como atribuições institucionais elaborar e aprovar as normas para o concurso de ingresso na carreira de membro do MPF, determinar a realização de correições e sindicâncias, além de elaborar e aprovar os critérios para distribuição de inquéritos entre procuradores.


Rodrigo Janot usou rede interna da PGR para avisar aos colegas que pretendia concorrer ao posto. A alegação é de que o momento atual do país exige que todos tomem atitudes. Essa seria a parte que ele poderia contribuir, mesmo com isso abdicando de se aposentar, intenção que ele tinha desde o fim de seu mandato à frente da procuradoria.


Lábia do ‘preso político’ saiu do prazo de validade

 Josias de Souza 23/04/2018 02:08
Compartilhe


O PT divulgou neste domingo uma mensagem que Lula gravou em 7 de abril, antes de deixar o bunker sindical de São Bernardo para se render à Polícia Federal. A peça exibe um personagem sem nexo. Em duas semanas, a lábia do “preso político” saiu do prazo de validade. Admitindo-se que o PT ainda queira participar da sucessão presidencial, a exibição do vídeo inspira uma indagação: o que é que o partido pretende oferecer?

Na gravação, Lula repetiu que poderia ter dado no pé. Mas ‘‘não quis fugir porque quem é inocente não corre.” Subiu no caixote: “Não tenho medo das denúncias contra mim porque sou inocente e não sei se meus acusadores são inocentes”. Lula não está em cana por conta de “denúncias”. Foi passado na tranca porque se tornou o primeiro ex-presidente da República condenado por corrupção. É um corrupto de segunda instância. Além da confirmação da sentença no TRF-4, há o aval do STJ e a concordância do STF.

Quanto à ‘‘inocência‘‘ de Lula, esse é um estado comum a todos os presidiários, como explicou o companheiro José Dirceu na semana passada, numa elucidativa entrevista à repórter Mônica Bergamo. Prestes a retornar ao xadrez, Dirceu declarou que, atrás das grades, ‘‘todo mundo é inocente‘‘. Didático, acrescentou: ‘‘O cara matou a avó, fritou o gato dela, comeu. Mas ele começa a conversar com você e a reclamar que é inocente.” Quem se animaria a contestar um especialista?‘‘

O Lula da gravação repetiu: “Eu tenho muita honra e quero me defender. Por isso eu estou muito tranquilo.” Sua honra está encarcerada há 15 dias. Nesse período, o TRF-4 indeferiu o “embargo do embargo”. Restam recursos ao STJ e ao STF. Nessas Cortes, não há espaço para rediscussão de fatos e provas. Discutem-se questões de Direito —o tamanho da pena, por exemplo.

Indefeso, Lula, os advogados e os devotos guerreiam agora contra a regra que autorizou a prisão de condenados na segunda instância. Contudo, a coerência da ministra Rosa Weber reduziu a margem de manobra dos apologistas do recuo. Enquanto reza por uma reviravolta na jurisprudência do Supremo, o preso rumina a perspectiva de novas condenações.

No vídeo, Lula disse que aceitou cumprir o mandado de prisão para verificar o que queriam o juiz Sergio Moro e procurador Deltan Dallagnol. Estava ansioso para “saber se eles estão dispostos a discutir comigo e debater publicamente os processos, porque quero provar que eles estão mentindo a meu respeito.”

Quer dizer: o Lula da fita comportava-se como um Napoleão que cruzaria as fronteiras de Curitiba por vontade própria, como se estivesse chegando a Moscou. Decorridos 15 dias, o preso se parece mais com o general Bonaparte, que retornou humilhado para Paris. Os russos curitibanos continuam no seu encalço. Preparam duas novas sentenças. E Lula, com o prazo de validade já bem vencido, não parece dispor de munição para “provar que eles estão mentindo.”

Repita-se a pergunta do primeiro parágrafo: O que é que o PT pretende oferecer? Manter um candidato ficha-suja no jogo e registrar sua candidatura natimorta no Tribunal Superior Eleitoral em 15 de agosto pode representar muita coisa —uma prova de lealdade ou um gesto de desespero, por exemplo—, mas não é uma solução.


Campanha nacional de vacinação contra a gripe começa nesta segunda


GRUPO PRIORITÁRIO INCLUI IDOSOS A PARTIR DE 60 ANOS E CRIANÇAS DE 6 MESES A MENORES DE 5 ANOS

A 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa amanhã (23) e segue até 1º de junho. Fazem parte do grupo prioritário da vacina idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.
Pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais também devem se imunizar. Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos de saúde em que estão registrados para receber a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

De acordo com o Ministério da Saúde, os grupos prioritários totalizam 54,4 milhões de pessoas. A pasta informou que adquiriu 60 milhões de doses, que serão entregues aos estados em etapas. “O Ministério da Saúde está assegurando vacina para 100% do público-alvo da campanha”, acrescentou, em nota.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A definição, segundo o governo brasileiro, também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados, portanto, grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.


Após tanta roubalheira...Petrobras quer vender Refinaria Abreu e Lima, a mais cara do mundo:68 bilhões


ABREU E LIMA CUSTOU 8 VEZES MAIS QUE TODOS OS ESTÁDIOS DA COPA

ESTA REFINARIA CUSTOU O EQUIVALENTE TAMBÉM A DUAS VEZES E MAIA OS GASTOS ANUAIS COM O BOLSA FAMÍLIA.
 

Após os governos Lula e Dilma enterrarem US$20,1 bilhões (R$68 bilhões) na refinaria mais cara do mundo, em Abreu e Lima, em Pernambuco, valor oito vezes maior que o custo global dos estádios construídos no Brasil para a Copa do Mundo de 2014, a Petrobras resolveu se livrar parcialmente desse encargo, vendendo 60% do seu controle no âmbito de uma proposta de parcerias que inclui outras três refinarias. Todos os estádios para a Copa de 2014 custaram, somados, R$8,3 bilhões, segundo belanço divulgado pelo Ministério do Esporte em janeiro de 2015. Abreu e Lima consumiu o equivalente a R$68,04 bilhões, em meio ao período em que mais foram roubados recursos públicos na História, segundo demonstra a Operação Lava Jato, mas só consegue processar 100 mil barris por dia, e registrou em 2017 prejuízo de R$1,5 bilhão. Outra comparação que impressiona: os governos do PT, que se apresntaram como defensores dos pobres e oprimidos, gastaram somente na refineria de Abreu e Lima mais que o dobro dos custos anuais do programa Bolsa Família.

PEDRO PARENTE.
As parcerias anunciadas pela Petrobras incluem, no Nordeste, Abreu e Lima e a refinaria Landulpho Alves e cinco terminais, onde a capacidade de processamento é de 430 mil barris por dia (bpd). No Sul, onde a capacidade de processamento é de 416 mil bpd, seriam as refinarias Alberto Pasqualini e Presidente Getúlio Vargas, além de e cinco terminais.
O plano de atração de parcerias da Petrobras considera a necessidade de novos investimentos, em razão do crescimento futuro da demanda de derivados no Brasil. Tudo isso faz parte da decisão da diretoria da estatal de vender ativos para reduzir seu endividamento.

Nessa parceria, as empresas investidoras controlariam a operação, enquanto a Petrobras seguiria com participação de 75 por cento do mercado brasileiro, porque suas outras nove refinarias e 36 terminais, boa parte no Sudeste, ficariam totalmente sob seu controle.

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, afirmou esta semana que monopólio é sempre prejudicial à economia. “Quando você tem um único ator operando no setor, quando essa empresa vai mal, toda a cadeia vai mal também. Então, a diversificação também traz vantagem para a cadeia de fornecedores de suprimentos”, disse. Ele disse que há um longo caminho pela frente, mas “vai levar o ano todo, com certeza”, até que as parcerias sejam fechadas.


Senador denuncia Gleisi por quebra de decoro no Conselho de Ética


ACUSAÇÃO DE JOSÉ MEDEIROS JÁ CHEGOU AO CONSELHO DE ÉTICA

O SENADOR JOSÉ MEDEIROS DENUNCIOU A PETISTA EM RAZÃO DAS MENTIRAS CONTRA O BRASIL E A JUSTIÇA.

O Conselho de Ética do Senado, que não julga malfeitorias de senadores há anos, terá de examinar representação por quebra de decoro do José Medeiros (Pode-MT) contra a colega Gleisi Hoffmann (PR), presidente nacional do PT, em razão do vídeo enviado pela senadora à TV Al-Jazira na qual ela diz que a prisão de Lula seria “política” e pede ajuda do “mundo árabe”. Lla é o primeiro ex-presidente da História do Brasil que cumpre pena por crimes comuns de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O senador João Alberto (MDB-MA), presidente do conselho, já sinalizou que vai dar seguimento ao pedido, indicando rapidamente um relator para o caso, ainda que prefira aguardar a representação contra as inverdades da senadora no vídeo em que ela insulta a Justiça brasileira. Ela afirmou que o ex-presidente foi condenado por “juízes parciais” num “processo ilegal”, negando inclusive o que é abundante no processo: “prova de culpa”. No plenário do Senado, Gleisi reiterou as mentiras à TV Al-Jazira.

Diariodopoder.com.br

Foto Jeferson Rudy

 

 


Sidebar Menu