BRASIL: Você sabia que 40% do dinheiro da nação é roubado e 60% mal investido?



Por Rui Galdino Filho ( advogado e radialista )
João Pessoa-PB, 21/09/2017

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. O nosso país continua sangrando e sangrando muito. A Lava Jato e outras operações pelo Brasil a fora, tem mostrado a todos nós, que o roubo do dinheiro público é realmente grande em todos os recantos da nação. E o pior, é que os investigados, denunciados, processados e condenados, com as caras de pau mais lisas do mundo, se dizem honestos e verdadeiros paladinos da moralidade.

Collor e Dilma, sofreram impeachment. Lula, já foi condenado a quase 10 anos de prisão e ainda responde a outros processos criminais. Temer, não governa mais e usa o poder para se proteger e se segurar o máximo possível, até o final de um mandato que não serve mais para o povo brasileiro, e sim, apenas para ele e sua turma. Sem falar num Congresso Nacional, Assembléias Legislativas, Câmaras Municipais, prefeitos e governadores, na sua grande maioria desmoralizados perante à opinião pública e de um Poder Judiciário lento e caro, portanto, injusto.

Na verdade, o Brasil precisa de uma reformulação geral, precisa de mudanças em todo o SISTEMA. As Forças Armadas, as Polícias, o Ministério Público, a Receita Federal e demais órgãos de controle, investigação, fiscalização e segurança, precisam de mais estruturas e melhores salários para seus membros. O Poder Judiciário, precisa de mais julgadores e menos prédios suntuosos. A educação, cultura, ciência, tecnologia, cinema, artes, saúde e segurança, precisam de mais estruturas e melhores salários. A indústria, o comércio, a agropecuária, etc, precisam de mais incentivos, proteção e menos impostos.

O salário mínimo precisa melhorar a cada ano. Os profissionais liberais, autônomos e aposentados, precisam sair do sufoco. E de onde vem o dinheiro para tudo isso? Vem do povo, através dos impostos e taxas como sempre veio. O problema, é a roubalheira e sonegação que é grande demais, por isso, falta dinheiro para tudo. Se o dinheiro do povo fosse bem empregado honestamente, dava para tudo e ainda sobrava.

Por que fazer de tudo para dificultar e até mesmo impedir investigações? Gente, cerca de 40% do dinheiro da nação, do povo, proveniente de impostos, taxas, etc, são “desviados” para o ralo da corrupção e da safadeza em nosso país. Nesta “zorra” chamada Brasil, quando se trata de Estados, Municípios, Distrito Federal e União, não se coloca uma pedra de calçamento e não se faz um serviço, que não sejam superfaturados.


Em nosso país, licitações são dirigidas e fraudadas, escândalos são abafados, CPIs evitadas e quando são instaladas geralmente terminam em pizza, no Judiciário, recursos são intermináveis e duradouros, a BUROCRACIA tem que existir para colaborar e valorizar com toda a safadeza e corrupção, político tem que se eleger e se reeleger sempre até morrer, etc, etc, etc … Tudo isso, até quando?

Quando se fala em CPIs, muita gente fica com os nervos à flor da pele, outros, sequer dormem direito a não ser à base de tranquilizantes, e ainda tem outros, que dizem que CPIs, só serve para fazer palanque político, etc. Bom, seja qual for a desculpa ou a explicação, é preciso entender uma coisa: “Quem quiser mexer com o dinheiro público, não deve temer nada, a não ser que tenha alguma culpa no cartório e ponto final”. Se a pessoa é séria e honesta, então, por que temer investigações?

A cultura da roubalheira do dinheiro público em nosso país é um câncer generalizado. Até parece que não escapa ninguém! Sem falar nas concessões, nas mordomias, nos cartões corporativos, nas imunidades e demais facilidades e oportunidades que o poder oferece e propicia. É muito dinheiro público gasto sem necessidade e também roubado descaradamente dos cofres públicos da nação brasileira. Até quando minha gente, essa situação vai continuar desse jeito?

Só para se ter uma idéia, a União ( governo federal ), arrecada por ano cerca de 2 TRILHÕES DE REAIS, sem falar na arrecadação dos Estados, Municípios e Distrito Federal. Já imaginaram quanto dinheiro??? Já pensou se este dinheiro todo fosse investido corretamente e honestamente em nosso país? Gente, o problema é que quase a metade desse dinheiro todo é ROUBADO e o restante é mal gasto, mal empregado e mal direcionado para as verdadeiras necessidades que o povo brasileiro precisa.

É por isso, que FALTA TUDO em nosso país. Se a nossa saúde, educação, segurança, infra estrutura, cultura, ciência, esportes, saneamento básico, moradias, estradas, etc, etc, etc, vão mal e tem poucos investimentos, é por que, 40% do dinheiro público, está sendo roubado a muito tempo e os os outros 60% que restam, vão para salários, manutenção da máquina pública, mordomias dos políticos, governantes e aderentes, e o que sobra, é para investir muito mal nas necessidades do povo brasileiro.

Minha gente, isso não pode mais continuar dessa forma! É preciso urgentemente estancar essa sangria de 40% da roubalheira e safadeza com o dinheiro público, que hoje beira os R$ 800 BILHÕES/ANO, e empregar melhor os 60% que restam( cerca de R$1,2 TRILHÕES). Já imaginou se estes R$ 2 TRILHÕES/ANO, que o Brasil arrecada, fosse empregado e gasto corretamente em favor do povo? Com certeza o nosso país seria outro bem melhor, mais rico, mais desenvolvido, mais eficiente, mais justo e com melhores salários para todos.

E sem falar na sonegação! E sabe por que se sonega tanto imposto em nosso país? Por que a indústria, o comércio, os profissionais liberais, os autônomos, etc, etc, etc, não suportam mais pagar tantos impostos, e saber que o dinheiro é desviado para o ralo da corrupção e safadeza. Sufocando a cadeia produtiva, comercial e de serviços, e não vindo nada em troca em benefício do povo e do país. CHEGA! O Brasil também precisa de uma grande reforma tributária, com diminuição de impostos e aumento da arrecadação ( cobrando mais de quem pode, cobrando de quem não paga e incentivando a não sonegação ).

Não precisa ser economista “meirelão da vida”, para saber que 1 + 1 = 2 e não a 10! Para saber que a nossa economia vive e gira em torno de 20% do consumo externo e cerca de 80% de consumo interno. E sabe de onde vem estes 80% do consumo interno? Vem das famílias, isso mesmo, das famílias! Então, o governante que se preze, precisa governar com austeridade, honestidade e incentivar e empoderar o poder de compra das famílias.

Recessão, inflação e ajuste fiscal, é pura incompetência, má gestão e roubalheira do dinheiro público. E quem paga o pato, somos todos nós, o povo brasileiro! Gente, veja um pequeno exemplo: Se 1 milheiro de tijolos custa R$ 400 reais, para um particular, não pode custar R$ 1.200, reais para o poder público! Até por que, o poder público ao comprar mais, com certeza, vai ter condições de comprar mais barato, ou seja, em torno de R$ 300 reais. Então, por que pagar R$ 1.200 reais, se o poder público pode comprar por R$ 300 reais? Eis a questão, é aí onde se encontra toda a safadeza e corrupção em nosso país!

Então minha gente, o Brasil tem solução sim e solução rápida, pois, somos um país rico, abençoado por Deus, com uma natureza exuberante, com um povo bom, alegre e trabalhador. Além disso, temos também MUITO DINHEIRO, o problema, é que este dinheiro todo, 40% está sendo roubado e 60% mal empregado a muito tempo. E sabe quantas vezes a grande maioria dos atuais políticos e governantes brasileiros querem mudar isso? NENHUMA! Pois, vivem se elegendo e se reelegendo de acordo com essa realidade, ótima para ELES e péssima para o BRASIL.

Por isso, para que tenhamos um NOVO Brasil, defendo primeiramente e urgentemente, o FIM de toda e qualquer REELEIÇÃO em nosso país, através de LEI, pois, não podemos mais, permitir formação de oligarquias e de políticos profissionais, que só pensam em si, nos seus interesses e se perpetuarem no poder. Acabando com todo tipo de REELEIÇÃO, teremos uma renovação permanente e de 100% a cada mandato eletivo, e assim sendo, todas as demais mudanças que o Brasil necessita, virão por gravidade e de maneira espetacular.

É preciso deixar bem claro, que com esta “TURMA” toda que aí está, com raríssimas exceções, NADA mudará a curto prazo em nosso país, e para “eles”, quanto mais tempo no poder melhor, e para nós, o povo brasileiro, pior! Então, não adianta gritar, protestar, ir para ruas, bater panelas, etc, etc, etc, e permitir que “eles”, que se dizem nossos representantes e verdadeiros paladinos da moralidade e dos bons costumes, continuem no poder. CHEGA de tanta safadeza, corrupção, atraso e caras de pau!

O Brasil precisa de um NOVO tempo, com governantes honestos e que não queiram seguir carreira profissional na política. Por isso, o FIM de qualquer tipo de REELEIÇÃO é fundamental e urgente. No momento em que o Brasil passar a comprar 1 milheiro de tijolos por R$ 300 reais e não por R$ 1.200 reais; no momento em que o Brasil passar a empoderar o poder de compra das famílias, etc, aí sim, começaremos a ter uma nova nação e um novo país.

Caso contrário, pouco ou quase nada mudará. Lembre-se: “ o governante honesto e decente, não deve temer nenhum tipo de investigação, nem tão pouco, trabalhar nos bastidores para evitar investigações. O Brasil precisa soltar os “ladrões de galinhas”, que superlotam os nossos presídios e são vítimas de uma realidade social degradante e injusta. Por isso, o Brasil precisa punir exemplarmente os seus verdadeiros pusilânimes, algozes, com prisões, devolução do dinheiro do povo e confisco de bens. Na verdade, precisamos fazer valer o que está estampado na nossa bandeira: ORDEM E PROGRESSO. Viva um NOVO Brasil!

OPOSIÇÃO COM DOIS CANDIDATOS: Zé Maranhão, 84 anos, é candidatíssimo também em 2018!



Por Rui Galdino Filho ( advogado e radialista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. O tempo corre para 2018 e os fatos, bem como, as acomodações políticas já começam a acontecer. Apesar de todos os pré-candidatos ao governo do estado dizerem que 2018, só se conversa em 2018, e que 2017, é tempo de trabalho, na prática a realidade é outra bem diferente, pois, estão blefando sim senhor. Na verdade, o que essa gente tem feito mesmo, é politicar muito e trabalhar menos!


Mas, com relação à 2018, eu já escrevi que o PSB, do governador Ricardo Coutinho, vai sim ter candidatura própria ao governo do estado, até por que, o governo vem trabalhando muito pela Paraíba e seria um atestado de incompetência e fraqueza, se não tivesse candidato ao governo do estado. Assim sendo, o competente secretário João Azevêdo, é o candidato do PSB, ao governo do estado e ponto final.


Por outro lado, eu já disse também, que o prefeito da capital, Luciano Cartaxo, é também candidatíssimo ao governo do estado pelo PSD, ou até mesmo, por outra legenda que possa ir em breve. Na verdade, Cartaxo, tem representado a verdadeira oposição ao governo e vai sim, enfrentar o desafio no próximo ano, por dois motivos: 1º) Tem sido um predestinado e entende que 2018 será sim, a sua vez! 2º) Por que tem um compromisso com Manoel Júnior, para que o mesmo assuma a prefeitura a partir de abril do próximo ano.


E um 3º candidatíssimo ao governo do estado em 2018, será também, o senador José Maranhão, dono do PMDB, o único que não tem nada a perder e tudo a ganhar, está bem na fita, bastante cortejado pela nova perspectiva de poder e que deverá levar a eleição para o 2º turno. Então, a preço de hoje, já temos TRÊS pré-candidatíssimos ao governo do estado: Maranhão, Cartaxo e João!


Apesar de não acreditar, dizem, que o PSDB de Cássio e Romero, vai também lançar candidato à governador no próximo ano. Será? Na minha modesta opinião, apesar dos esforços de Romero Rodrigues, nesse sentido, acho que a tendência do PSDB, é juntar forças e se coligar com o PMDB de José Maranhão. Assim sendo, o PSD de Rômulo, ficará também nesse pacote. É por isso, que vislumbro, as saídas dos Cartaxos e companhia, do PSD, bem como, a de Manoel Júnior e companhia do PMDB.


Mas, será que a Paraíba vai continuar girando a roda política e do poder entre as mesmas pessoas de sempre? Os mesmos partidos tradicionais? O mesmo revezamento de pessoas e coligações dependendo das ocasiões? Será que não vai aparecer outros pré-candidatos a governador de outros partidos? Afinal, na Paraíba existem cerca de 36 partidos em atuação política. Será que não iremos ter NOVIDADES, e ter que votar nos mesmos de sempre?


Bom, enquanto o NOVO não aparecer efetivamente na cena política paraibana, os VELHOS vão continuar ditando as regras do jogo e do poder, deitando e rolando por falta de NOVAS OPÇÕES. E sabe quantas vezes os VELHOS vão dar chances e oportunidades aos NOVOS? Nunca! Só quando morrerem ou forem derrotados nas urnas.


Lembram do saudoso Antônio Mariz, que mesmo se ultimando por problemas de saúde, foi candidato a governador, venceu, e logo depois morreu? E aí, quem saiu lucrando politicamente foi Zé Maranhão, que assumiu o poder, tirou os CUNHA LIMA da jogada e do partido, o PMDB, e até hoje está aí na cena política e com chances de voltar ao governo do estado.


O certo e ideal, seria que cada partido lançasse seu candidato a governador, e aí, o eleitor teria mais opções para escolher e votar. Partido político que não lança candidatos aos cargos majoritários ( presidente, governador e prefeito ), é como time de futebol sem torcida, não serve para nada, não cresce e nem se desenvolve, ficam apenas vivendo e se alimentando das migalhas dos tais “grandes partidos”, e com isso, o povo fica também sem NOVAS opções e aí o Brasil continuará seguindo a passos de tartaruga como os políticos profissionais querem. A Paraíba não pode retroceder e tem que avançar cada vez mais.


Que venha 2018 e também o NOVO!

Temos que se virar nos 30, para termos um Novo Brasil. Viva o NOVO! - Por Rui Galdino Filho



  ( advogado e jornalista )


Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Se eu não estiver enganado, creio que o Brasil está mudando para melhor, mesmo que lentamente. O sofrimento e indignação do povo, a corrupção em todos os setores, a cara de pau e cinismo da grande maioria dos nossos políticos, a Lava-Jato e demais operações pelo país a fora, etc, etc, etc, tudo isso, me dar a impressão, que num futuro próximo, possamos ter um Brasil diferente, NOVO e melhor.

Pois bem. Independente de qualquer coisa e de posições político-ideológicas, temos que acreditar em dias melhores e ter esperança em nossa gente ( o povo brasileiro ), que somos todos nós. A solução para o nosso Brasil, não está nas mãos dos políticos e de nenhum poder ( Executivo, Legislativo e Judiciário ). A solução está nas mãos do povo brasileiro, está nas nossas mãos, SIM! Porém, caberá a cada um de nós, seja quem for e de onde for, tentar resolver os nossos problemas, pois, na verdade, se formos pensar direitinho e fazer análises cuidadosas, os nossos problemas, foram nós mesmos que criamos.

Dizem, que a nossa representação política nas Câmaras de Vereadores, nas Assembleias Legislativas, no Congresso Nacional e nos governos municipais, estaduais e federal, SÃO A NOSSA CARA. Será isso mesmo? Então, quer dizer se a maioria é ladrão e corrupto, nós, o povo brasileiro, também somos? É isso mesmo? Será que a nossa representação, é a nossa cara mesmo? Não, não concordo de maneira alguma! Respeito às opiniões em contrário, porém, não aceito esta história de dizer, que a nossa representação é a nossa cara. Isso não!

Se votei errado ou se votamos errado, é por que fomos enganados, SIM! Fomos enganados por candidatos maldosos, inescrupulosos e corruptos, sem vergonhas, verdadeiros políticos profissionais. Fomos enganados por um marketing político falso, por promessas demagógicas, por um guia eleitoral gratuito, no rádio e TV, que deveriam se acabar urgentemente, pois, de gratuito não tem nada, e até nisso, somos também enganados.

Sabem quanto custa a propaganda política dos partidos políticos no rádio e TV? Cerca de 1,3 bilhões por ano. Sabem quanto custa o famigerado fundo partidário, que abastece e alimenta os partidos políticos no Brasil? Cerca de 4,5 bilhões por ano. E agora, os senhores deputados federais, estão querendo aprovar mais 3,6 bilhões por ano, para gastar nas campanhas políticas, no lugar das doações empresariais que foram extintas. Já pensou? Toda essa dinheirama vindo do nosso bolso, do bolso do povo brasileiro, dos cofres públicos da nação, que é dinheiro do povo. Isso é um verdadeiro absurdo, escárnio, um escândalo, uma tapa constante na cara do povo brasileiro!

Temos que acabar urgentemente com estas verbas públicas, oriundas do dinheiro do povo, para partidos políticos e para políticos. Partidos políticos, tem que se manterem e se desenvolverem com colaborações de seus filiados e demais apoiadores. Candidatos, tem que fazer campanhas políticas com seus próprios recursos financeiros, respeitando as leis e os limites de gastos. Eu não entendo, o por que de se gastar milhões e milhões em campanhas eleitorais? Tem algo errado nessa história, é por isso, que a safadeza e a corrupção no Brasil é muito grande! CHEGA, é hora de dar um basta em tudo isso, e investir o dinheiro da nação nas necessidades e prioridades do povo brasileiro. É hora de renovar, de fazer diferente, é hora do NOVO!

Sem falar nas EMENDAS PARLAMENTARES, que é outro assunto , com muito dinheiro público também, que beneficia e faz a festa de 513 deputados federais e 81 senadores. E sabem também quanto custa estas tais Emendas Parlamentares? Cerca de 10 bilhões por ano, ou seja, cada parlamentar em média, pode manipular cerca de 15 milhões/ano, com estas Emendas. Já pensou, quanto desperdício de dinheiro público, com essa gente sem futuro e com os partidos políticos?

Então minha gente, é chegada a hora de dar um basta em tudo isso. CHEGA! Pra que dinheiro público para partidos políticos? Pra que dinheiro público para políticos fazerem campanhas eleitorais? Isso é um absurdo! Que os políticos façam campanhas com seus recursos próprios, por que não? Que os partidos, se mantenham com recursos de seus filiados, por que não? CHEGA! Dinheiro público, deve ser direcionado para outras prioridades e necessidades do país e seu povo, isso SIM!

Temos também, que diminuir o tamanho da máquina administrativa e da burocracia brasileira, pois, o Brasil precisa ser e ter o tamanho SUFICIENTE, para voltar a crescer e se desenvolver sem embaraços, pois, quanto mais burocracia, mais safadezas e mais corrupção! Além disso, temos que acabar também urgentemente com a REELEIÇÃO, em todos os níveis, ou seja, não apenas no Executivo, mas também no Legislativo, só assim, o Brasil renovará em 100% seus políticos a cada eleição, impedindo com isso as carreiras políticas de "políticos profissionais".

Aliás, em tese, não sou contra partidos políticos, até acho que quanto mais, melhor, porém, que eles sejam financiados com recursos de seus filiados e apoiadores, e não com dinheiro do povo, com dinheiro público, isso NÃO! É hora de acabar com essa pouca vergonha. CHEGA! Além disso, temos que dar uma peneirada na qualidade de nossos candidatos, e para isso, seria necessário cursos de formação política e concurso público para candidatos.

Isso mesmo, concurso público, com provas escritas e orais, com provas de títulos, com certidão da vida pregressa dos candidatos e com exame de sanidade mental. Tudo isso, pelo menos seis meses antes das convenções partidárias. E com isso, só poderiam sair candidatos a algum cargo eletivo, quem passasse no concurso público e ponto final. É preciso qualificar os nossos candidatos e fazer uma peneirada para evitar possíveis candidatos inescrupulosos e corruptos.

Então, fica a sugestão para futuros Projetos de Leis, PEC´S e Medidas Provisórias nesse sentido. Vamos ver, qual o deputado, o senador ou o político, que tenha coragem de trazer esses temas de extrema e urgência relevância para o debate nacional? Será que vai aparecer algum? Resumindo: Só de gastos com Partidos Políticos, com Guia Eleitoral, com dinheiro para campanhas políticas e com Emendas Parlamentares, o Brasil gastará cerca de 19,4 bilhões por ano. Já pensou?

Isso é um absurdo! Uma verdadeira tapa constante na nossa cara, na cara do povo brasileiro. CHEGA! O Brasil não pode mais continuar desse jeito, gastando dinheiro público, que é do povo, com políticos e partidos políticos. CHEGA! Se querem fazer reformas e ajustes fiscais, que comecem por aqui, cortando na carne dos políticos e dos partidos, e aí, outras reformas virão, caso contrário, tudo será mais uma grande enganação e o povo brasileiro vai continuar sofrendo e pagando uma conta que não é sua. CHEGA!

Temos que se virar nos 30, para termos um NOVO Brasil. Viva o NOVO!

O PMDB de José, será mais uma vez, a NOIVA da próxima eleição! Por Rui Galdino Filho



 ( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Essa história fiada de dizer que a eleição de 2018, só será discutida em 2018, é conversa pra boi dormir. Os bastidores da política paraibana estão fervendo e à todo vapor. Além disso, todos blefam, jogam para a platéia e ninguém confia em ninguém. Realmente, o moído é grande e à medida que o tempo urge, tem gente que não larga o calendário, bem como, os ansiolíticos.

O governo, já tem seu pré-candidato a governador estabelecido, na pessoa do competente secretário João Azevêdo (PSB). Ao mesmo tempo em que a oposição diz que Azevêdo é “galinha morta”, ou seja, fácil de se derrotar, a mesma oposição, já está procurando a Justiça Eleitoral, denunciando o governo de promover a pré-candidatura de João Azevêdo co recursos públicos.

Ora, é muita contradição e desespero por parte da oposição, pois, se João, é “galinha morta”, como eles dizem, por que estão preocupados com a ascensão de João Azevêdo, perante à opinião pública paraibana? Realmente, a pré-candidatura de João Azevêdo, já começou a incomodar muita gente, principalmente, aqueles que estão sonhando em voltar para o palácio da redenção. Essa, é que é a verdade!

Recentemente, o desespero da oposição, fez com que ela desse um grande tiro no pé, com relação a fim do racionamento da água em Campina Grande, onde a oposição foi contra, e o governo foi firme e terminou vencendo a queda de braço. Agora, de novo, a oposição está dando mais um tiro nos pés, acionando à justiça eleitoral tentando barrar a pré-candidatura de João Azevêdo. Outra bobagem e erro político!

E para complicar mais ainda a oposição, o senador José Maranhão (PMDB), disse que o seu partido vai ter candidatura própria ao governo do estado e que está aberto a conversar com todos. E agora? Por outro lado, o senador Cássio ( PSDB), também disse, que seu nome está à disposição para também disputar o governo do estado. E agora?

E onde ficam o nome dos prefeitos Cartaxo (PSD) e Romero (PSDB), nesse imbróglio da oposição? Gente, a verdade é que a oposição está mais perdida do que cego em tiroteio. Está atirando para todos os lados e sem saber pra onde ir! E não era Luciano Cartaxo, o candidato ungido de todos da oposição? Agora, é Maranhão, é Cássio, é Romero… Então, o que mudou? O que está acontecendo?

Abril de 2018 se aproxima, e com isso, veremos quem vai se salvar dentro da oposição. E o vice-prefeito, Manoel Júnior? Coitado! A cada dia, perde a esperança de ser prefeito da capital, pois, Cartaxo, que não é menino bobo, já está vendo que não vai dar pra ele, e com isso, deverá ficar na prefeitura até o final do seu mandato. Então, Mané, deverá sair do PMDB e migrar para outra legenda, talvez o PSDB, e aí vai tentar se eleger pelo menos deputado estadual.

PSB e PMDB, deverão caminhar juntos em 2018. PSDB e PSD, também deverão caminhar juntos em 2018. PP, PDT, PT, PTB, DEM, etc, vão ficar gravitando em torno dos demais partidos, considerados cabeças de chave. PDT, PT, PTB e DEM, deverão ficar com o governo. E o PP, deverá ficar na oposição. Dizem até, que PSDB, PSD e PP, juntos, vão se unir num grande abraço de afogados, pois, se PMDB e PSB, se juntarem, vencerão o pleito já no 1º turno.

Dizem, que muitas águas aindam vão rolar por debaixo da ponte. É verdade! Mas, é preciso entender que algumas águas já caminham para acomodações visando 2018, e o PMDB, é uma delas. Que o governador fique ou não no governo, o PDT, também já está se acomodando. Uma coisa é certa, as oposições só caminharão unidas, se for em torno do nome de José Maranhão(PMDB), pois, nenhum outro nome, unificará as oposições.

Então, a preço de hoje, poderemos ter um embate entre João Azevêdo, candidato do governo e José Maranhão, candidato da oposição. Ou, o PMDB ao lado do governo, lançando o vice de Azevêdo, pois, o candidato do governo, será mesmo João Azevêdo e ponto final.

Do jeito que a oposições estão agindo e errando bastante, acho que sequer terá candidato ao governo em 2018, basta Maranhão, se unir com Ricardo, então, o desmantelo será grande. Mais uma vez, o PMDB, está sendo a noiva da eleição vindoura, graças à habilidade política da “velha raposa”, José Maranhão, que está mais novo e moderno do que muita gente pensa.

TRÊS FORÇAS EM 2018: Oposição x Governo x Uma novidade



 Por Rui Galdino Filho ( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. 2018 se aproxima e o moído nos bastidores da política paraibana continua grande. Tem gente que já vive à base de remédios, viciados em ansiolíticos e talvez não cheguem em pé, ao ano que se aproxima. É só olhar nos olhos e nos semblantes de algumas figurinhas carimbadas da nossa política.

Tem gente, tanto de um lado, quanto do outro, que vai fazer de tudo para se eleger e também, para se reeleger, no entanto, a grande agonia desse povo todo que vive da política e das benesses do poder, aqui na Paraíba, quanto em Brasília, é saber ou tentar adivinhar como o povo paraibano, vai se comportar perante às urnas eletrônicas na próxima eleição.

Será que o dinheiro que vem não sei de onde, vai continuar comprando mandatos eletivos? Será que serviços prestados, por parte de quem tem o dever de fazer e com o dinheiro público, vão continuar comprando mandatos eletivos? Será que favores pessoais e empregos públicos comissionados, também vão continuar comprando mandatos eletivos? Será que carinhas bonitas e discursos fáceis, vão continuar sendo causas de votar em alguém? Eis, as questões?

Tudo isso e muito mais, tem sido um grande dilema nos bastidores e nos planos de muita gente com relação à próxima eleição de 2018. Na verdade, em virtude de tudo o que está acontecendo em nosso país ultimamente, os políticos profissionais e suas respectivas descendências, não sabem, nem tem a menor ideia, de como o povo brasileiro e paraibano em especial, vão agir e votar no próximo ano. E haja LEXOTAN e outras coisitas a mais!!!!!

O fato é o seguinte. Aqui na Paraíba, ainda vamos ter algumas novidades de composições político-partidária. O time do governo, deverá ser encabeçado mesmo, por João Azevedo, e ter o apoio e composição do PMDB, que deverá lançar o vice e um senador, na chapa governamental, ou seja, o PMDB, não vai ficar na oposição, com isso, os insatisfeitos deverão tomar outro caminho partidário.

O time da oposição, composto da santíssima trindade, Cartaxo, Romero e Cássio, onde todos se acham deuses, está muito confuso e sem saber o que fazer a curto prazo. Na verdade, estão dando tempo ao tempo, para ver o que vai acontecer. A oposição, deverá ir com Cartaxo ou Cássio. O problema, é que colocaram na cabeça de Cartaxo, que sua vez é agora ou nunca, e esse fato, tem deixado Cartaxo, bastante obcecado em ser governador, e isso poderá lhe custar muito caro em breve.

O melhor caminho para os CARTAXOS, era ao lado do governador Ricardo. Defendi isso durante muito tempo, porém, não me escutaram e até desprezaram o que eu defendia. Além disso, assessores de Cartaxo, com outros interesses, o desviaram para outros caminhos, o enganaram, dizendo que iria aglutinar todas as oposições em torno de seu nome. Tudo bem, veremos em breve o resultado dessa história.

Estão fazendo com Cartaxo, o mesmo que fizeram com Cássio, em 2014. Lembram? Pois bem. Cássio, foi na onda, começou a surfar, caiu da prancha, nadou, nadou e terminou “morrendo” na beira mar. Porém, falta de aviso não foi. Pura teimosia e ganância rápida pelo poder. Se Cássio, tivesse me ouvido ou pelo menos lido os meus artigos na época, ainda hoje, estava junto com Ricardo, e iriam comandar a Paraíba juntos, durante muito tempo.

Mas, além da gangorra tradicional entre OPOSIÇÃO e GOVERNO, a Paraíba deverá ter também, uma terceira opção, bem diferente, que será a grande novidade das eleições de 2018 e que poderá surpreender. Anotem, vem NOVIDADES por aí, SIM! O povo paraibano não está para brincadeira e deverá passar a régua em muita gente que se acham o BAN BAN BAN dos votos e donos do pedaço, e que vão ter a resposta negativada nas urnas. O povo paraibano e brasileiro, estão indignados com a grande maioria de seus representantes, por isso, o NOVO, vai se virar nos TRINTA, com isso, novidades e surpresas virão em 2018.

Aja coração. ADELANTE!

Fim do dinheiro público para partidos, para políticos e concurso público para quem quiser disputar eleições. - Rui Galdino Filho



  Fim do dinheiro público para partidos, para políticos e concurso público para quem quiser disputar eleições. CHEGA de tanta safadeza!

 ( advogado e jornalista )


Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Se eu não estiver enganado, creio que o Brasil está mudando, mesmo que lentamente, para melhor. O sofrimento e indignação do povo, a corrupção em todos os setores, a cara de pau e cínica da grande maioria dos nossos políticos, a Lava-Jato e demais operações pelo país a fora, etc, etc, etc, tudo isso, me dar a impressão, que num futuro próximo, possamos ter um Brasil melhor.

Pois bem. Independente de qualquer coisa e de posições político-ideológicas, temos que acreditar em dias melhores e ter esperança em nossa gente ( o povo brasileiro ), que somos todos nós. A solução para o nosso Brasil, não está nas mãos dos políticos e de nenhum poder ( Executivo, Legislativo e Judiciário ). A solução está nas mãos do povo brasileiro, está nas nossas mãos, SIM! Porém, caberá a cada um de nós, seja quem for e de onde for, tentar resolver os nossos problemas, pois, na verdade, se formos pensar direitinho e fazer análises cuidadosas, os nossos problemas, foram nós que criamos mesmos.

Dizem, que a nossa representação política nas Câmaras de Vereadores, nas Assembléias Legislativas, no Congresso Nacional e nos governos municipais, estaduais e federal, SÃO A NOSSA CARA. Será isso mesmo? Então, quer dizer se a maioria é ladrão e corrupto, nós, o povo brasileiro, também somos? É isso mesmo? Será que a nossa representação, é a nossa cara mesmo? Não, não concordo de maneira alguma! Respeito às opiniões em contrário, porém, não aceito esta história de dizer, que a nossa representação é a nossa cara. Isso não!

Se votei errado, ou se votamos errado, é por que fomos enganados, SIM! Fomos enganados por candidatos maldosos, inescrupulosos e corruptos, sem vergonhas, verdadeiros políticos profissionais. Fomos enganados por um marketing político falso, por promessas demagógicas, por um guia eleitoral gratuito, no rádio e TV, que deveriam se acabar urgentemente, pois, de gratuito não tem nada, e até nisso, somos também enganados.

Sabem quanto custa a propaganda política dos partidos políticos no rádio e TV? Cerca de 1,3 bilhões por ano. Sabem quanto custa o famigerado fundo partidário, que abastece e alimenta os partidos políticos no Brasil? Cerca de 4,5 bilhões por ano. E agora, os senhores deputados federais, estão querendo aprovar mais 3,6 bilhões por ano, para gastar nas campanhas políticas, no lugar das doações empresariais que foram extintas. Já pensou? Toda essa dinheirama vindo do nosso bolso, do bolso do povo brasileiro, dos cofres públicos da nação, que é dinheiro do povo. Isso é um verdadeiro escárnio, um escândalo, uma tapa constante na cara do povo brasileiro!

Sem falar nas EMENDAS PARLAMENTARES, que é outro assunto , com muito dinheiro público também, que beneficia e faz a festa de 513 deputados federais e 81 senadores. E sabem também quanto custa estas tais Emendas Parlamentares? Cerca de 10 bilhões por ano, ou seja, cada parlamentar em média, pode manipular cerca de 15 milhões/ano, com estas Emendas. Já pensou, quanto desperdício de dinheiro público, com essa gente sem futuro e com os partidos políticos?

Então minha gente, é chegada a hora de dar um basta em tudo isso. CHEGA! Pra que dinheiro público para partidos políticos? Pra que dinheiro público para políticos fazerem campanhas eleitorais? Isso é um absurdo! Que os políticos façam campanhas com seus recursos próprios, por que não? Que os partidos, se mantenham com recursos de seus filiados, por que não? CHEGA! Dinheiro público, deve ser direcionado para outras prioridades e necessidades do país e seu povo, isso SIM!

Aliás, em tese, não sou contra partidos políticos, até acho que quanto mais, melhor, porém, que eles sejam financiados com recursos de seus filiados e apoiadores, e não com dinheiro do povo, com dinheiro público, isso NÃO! É hora de acabar com essa pouca vergonha. CHEGA! Além disso, temos que dar uma peneirada na qualidade de nossos candidatos, e para isso, seria necessário cursos de formação política e concurso público.

Isso mesmo, concurso público, com provas escritas e orais, com provas de títulos, com certidão da vida pregressa dos candidatos e com exame de sanidade mental. Tudo isso, pelo menos seis meses antes das convenções partidárias. E com isso, só poderiam sair candidatos a algum cargo eletivo, quem passasse no concurso público e ponto final. É preciso qualificar os nossos candidatos e fazer uma peneirada para evitar possíveis candidatos inescrupulosos e corruptos.

Então, fica a sugestão para futuros Projetos de Leis, PEC´S e Medidas Provisórias nesse sentido. Vamos ver, qual o deputado, o senador ou o político, que tenha coragem de trazer esses temas de extrema e urgência relevância para o debate nacional? Será que vai aparecer algum? Resumindo: Só de gastos com Partidos Políticos, com Guia Eleitoral, com dinheiro para campanhas políticas e com Emendas Parlamentares, o Brasil gastará cerca de 19,4 bilhões por ano. Já pensou?

Isso é um absurdo! Uma verdadeira tapa constante na nossa cara, na cara do povo brasileiro. CHEGA! O Brasil não pode mais continuar desse jeito, gastando dinheiro público, que é do povo, com políticos e partidos políticos. CHEGA! Se querem fazer reformas e ajustes fiscais, que comecem por aqui, cortando na carne dos políticos e dos partidos, e aí, outras reformas virão, caso contrário, tudo será mais uma grande enganação e o povo brasileiro vai continuar sofrendo e pagando uma conta que não é sua. CHEGA!

Viva um NOVO Brasil!

2018: Não brinquem com o "mago" da Rainha da Borborema, Romero Rodrigues! - Rui Galdino Filho



 
Por Rui Galdino Filho ( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. A princípio, eu pensava que a possibilidade do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, ser candidato ao governo do estado no próximo ano, era apenas um jogo de cena, um balão de ensaio ou coisa parecida, porém, confesso que me enganei, pois, os últimos fatos e andanças de Romero, sinalizam SIM, para um desafio que se aproxima: 2018.

Meses atrás, Romero, mais que de repente, como bom tucano, saiu da gaiola, colocou o bico de fora e disse que seu nome estava à disposição do partido ( PSDB ), para disputar o governo do estado. Disse também, que Campina Grande, estava viva e em boas mãos, portanto, merece ter seu lugar ao sol. Disse ainda, que só deixaria a prefeitura de Campina, para ser candidato a governador ou na última hipótese, a senador.

Depois desses dizeres todos, Romero Rodrigues, começou a peregrinar pelo interior da Paraíba, visitando amigos, correligionários, atendendo convites, participando de eventos, festas de padroeira, etc, etc, etc ... E a receptividade a Romero, tem sido muito boa por onde ele anda, por isso, o “MAGO DE CAMPINA”, que tem um estilo próprio e é muito carismático, está muito animado e cada vez mais propício a enfrentar 2018, mesmo que não seja pelo PSDB.

Além disso, Romero, já deu CARÃO no senador Cássio, dizendo inclusive, que se Cássio, correr da raia, ele topará a parada, já puxou as orelhas de Ruy Carneiro, presidente do PSDB, já disse a Cartaxo, que Campina Grande também existe no mapa da Paraíba e é forte, e tem dito muito mais por onde anda, inclusive, eu soube até, que Romero Rodrigues, está disposto a fazer uma composição política com o governador Ricardo Coutinho, dentro de um PROJETO, que faça a Paraíba avançar ainda mais.

O fato, é que o prefeito de Campina, Romero Rodrigues, está realmente muito animado com suas ANDANÇAS pelo estado a fora, e a cada dia que passa, seu nome começa a se viabilizar perante à opinião pública paraibana, em virtude da sua simplicidade, coragem, boa gestão, boas conversas, sinceridade, e acima de tudo, MUITO CARISMA! Por isso, o nome de Romero, começa a se consolidar e poderá ser o grande fato novo para 2018, tanto para governador, quanto para senador, portanto, não brinquem com o "mago" da Rainha da Borborema, Romero Rodrigues. ADELANTE!

A chapa da oposição para 2018 - Rui Galdino Filho



 A CHAPA DA OPOSIÇÃO PARA 2018!

 Por Rui Galdino Filho ( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Os bastidores da política paraibana está pegando fogo, todos os dias tem novidades e o moído continua grande! Ontem, estava em casa descansando e lendo um livro, quando entre alguns telefonemas, um me surpreendeu: era, um importante membro do grupo oposicionista, que me pediu reservas do seu nome, e me comunicou alguns fatos.

Alguma coisa do que ele me disse, eu já sabia, porém, uma informação me surpreendeu, e aja moído, ou seja, segundo ele, existe a possibilidade real, do PDT do grupo FELICIANO, aderir à oposição, a partir de maio do próximo ano. Será que isso vai acontecer mesmo? Bom, pessoalmente, eu não acredito, pois, conheço bem o casal Damião e Lígia, e tenho quase certeza que vão continuar juntos com o governador Ricardo, inclusive, poderemos ter novidades em abril de 2014 ( isso, será um assunto para outro artigo, que será publicado na próxima quarta-feira ).

Todos sabem, e eu já escrevi sobre isso algumas vezes, que sou admirador e eleitor de dois grandes gestores na Paraíba ( Ricardo Coutinho e Luciano Cartaxo ), cada um com o seu estilo, com seu modos operandi e dentro dos seus respectivos quadrados. Gostaria de vê-los juntos em 2018, unidos politicamente, porém, pelo andar da carruagem, lamentavelmente, esta possibilidade está ficando cada vez mais distante, a não ser, que apareça um grande fato novo e tudo mudará!

Mas, o que tem de novidade mesmo dentro das oposições, é o seguinte: 1º) Os principais partidos PSD, PSDB e PP, estão em plena sintonia. O PMDB, ainda é dúvida, pois, tanto poderá ficar na oposição, como, poderá ir para o governo, aliás, atualmente, não sabemos se o PMDB, é carne ou peixe? O senador Maranhão, já deixou bem claro, que ficará com quem prestigiar mais o partido e ponto final.

2º) O grande jornalista Gutemberg Cardoso, foi muito feliz, quando comentou que nas composições para 2018, cada partido, só vai figurar com apenas UM candidato nas chapas majoritárias, ou seja, NINGUÉM, vai indicar mais de um candidato, a não ser que siga em faixa própria. E o caminho é realmente por aí… NINGUÉM, vai ter o privilégio de indicar DOIS nomes para a composição na majoritária, NINGUÉM.

3º) E assim sendo, dentro da oposição, é preciso entender, que tem um partido chamado Partido Progressista – PP, onde muitos estão desprezando, mas que tem muita força e também muita articulação. É o partido do deputado federal, Aguinaldinho, da deputada estadual, Daniela Ribeiro e do vice-prefeito de Campina Grande, pai dos dois, o grande, Enivaldo Ribeiro. Não brinquem com o PP, pois, tem votos, dinheiro, prestígio e também muitos serviços prestados às suas bases pelo estado a fora. Então, com certeza, o PP, também vai querer uma vaga na majoritária, seja indicando o vice-governador, ou até mesmo, um senador.

4º) O PSDB, vai também figurar na majoritária da oposição, com um candidato, e a tendência, é com uma das vagas para senador, que seria a do senador Cássio Cunha Lima.

5º) E o PSD? Também, vai figurar com uma vaga na majoritária e sabe qual? A de governador. Não se enganem, o prefeito Luciano Cartaxo, está pronto para o desafio, doido para entrar em campo, pois sabe, que seu momento é agora ou nunca! Cartaxo, é candidatíssimo ao governo do estado, SIM SENHOR!!

6º) E o PMDB? Como disse anteriormente, o PMDB, ainda não se identificou se é carne ou peixe, porém, uma coisa é certa, terá Raimundo Lira, como candidato à reeleição para o Senado, seja na oposição ou na situação. A não ser que Lira, saia do PMDB e procure um outro caminho, pois, o senador Lira, apoia o governo estadual e já disse que quer ficar ao lado do governador Ricardo. No entanto, seja para onde for, o PMDB, só vai com UMA VAGA na majoritária, e essa vaga é de Raimundo Lira.

Então meus caros leitores, dentro da oposição a preço de hoje, prevejo a seguinte chapa: Para Governador: Luciano Cartaxo – PSD; para Vice-Governadora: Daniela Ribeiro – PP; e para Senadores: Cássio Cunha Lima – PSDB e Raimundo Lira – PMDB, porém, se o PMDB, ficar no governo, a segunda vaga para o Senado, dentro das oposições, deverá vir do PTB, que hoje é governo, e quer a vaga de Senador, para Wilson Santiago, o pai.

Vamos acompanhar o jogo de xadrez, cujas peças já estão em plena movimentação no tabuleiro político das oposições. Com relação ao tabuleiro político da situação, é assunto para outro artigo em breve. Na próxima quarta-feira, trarei um novo assunto, que poderá MUDAR ainda mais os fatos políticos da Paraíba. O moído continua grande. AGUARDEM!

O Brasil precisa de ORDEM e PROGRESSO! - Rui Galdino Filho



Rui Galdino, é advogado, jornalista, empresário e apresentador do programa CONVERSANDO COM RUI GALDINO, na TV MASTER.

Contato: ruigaldino@hotmail.com

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Dizem, que a política é muito dinâmica e também surpreendente, no entanto, esse dinamismo e fatores surpresas, na verdade, não são bons para a democracia e para os bons costumes, pois, “dinamismo” em atividade política, soa como “negociatas”, e “fator surpresa”, soa como “jogo de interesses”.

Na minha modesta opinião, a atividade política, deveria ser coerente e ter lado definido. Isso sim! Ou seja, oposição, ser oposição de verdade, e governo, ser governo de verdade. Esse meio termo, em que se confundem gato por lebre, não é bom para a atividade política, e deveria ser repudiado de maneira veemente nas urnas, por ocasião das eleições.

Não podemos confundir democracia com dinamismo político. Democracia, é permitir e saber respeitar às opiniões em contrário, é ter lado definido e lutar por ele, é ser coerente em suas idéias e posições, é estimular e permitir que o povo se manifeste livremente, etc, etc, etc. Esse tal de “dinamismo político”, soa como safadeza, negociatas, jogos de interesses espúrios, baderna e profunda incoerência de pensamentos e ações, etc, etc, etc.

É por isso, que o nosso Brasil está em apuros! O tal “dinamismo político”, tem estraçalhado a nossa economia, e como consequência primeira, tem afetado em cheio o nosso futuro, ou seja, vem estuprando a muito tempo a esperança de um povo bom, trabalhador, ordeiro, cristão, hospitaleiro e alegre, que é o sofrido e amado POVO BRASILEIRO.

É preciso não confundir democracia com baderna. É preciso entender, que num país democrático, o fazer justiça, vem das pessoas que tem competência para tal, e não do povo. O povo pode e deve mudar a realidade de um país democrático, através do voto, mas dizer, que fulano ou sicrano, que esteja respondendo a algum processo administrativo ou judicial, é inocente ou culpado, só quem pode fazer isso, é quem tem competência para tal.

Justiça Divina, é outra coisa, e é a mais eficiente, correta e justa. E se observarmos bem, Deus, tem agido no Brasil e no mundo, conforme a Sua vontade e o Seu tempo. Não é bom, misturarmos justiça com política, principalmente, nessa fase em que o nosso Brasil atravessa. Que os culpados, sejam realmente punidos e que os inocentes, sejam realmente absolvidos.

Criticar o Poder Judiciário, em virtude de decisões que não lhe agradem, e querer transformar tudo em discurso político como válvula de escape, e isso não é correto e sim, um desrespeito à nossa ainda jovem democracia. Contra decisões judiciais, cabem recursos para as instâncias superiores e não ataques e politicagem visando outros interesses, aquilo, que chamo, “dinamismo político”.

O nosso Brasil, está precisando fazer valer, aquilo que está escrito em nossa bandeira nacional: ORDEM e PROGRESSO. Isso sim! O Brasil precisa urgentemente de ORDEM e PROGRESSO, pois, ultimamente, só temos visto, desordem, bagunça, falta de autoridade, baderna, roubo do dinheiro público, safadezas, corrupção generalizada, políticos cínicos e caras de pau, partidos políticos meramente mercantilistas, vagabundos ganhando dinheiro público fácil,etc, etc, etc…

Até quando, bandidos do colarinho branco vão continuar nos governando? Até quando, bandidos outros, vão continuar cometendo crimes e dando ordens de dentro dos presídios? Até quando, flanelinhas vão continuar mandando e ameaçando as pessoas nas ruas e nos estacionamentos públicos? Até quando, o cidadão e a cidadã de bem, vão continuar sem poder usar armas e trancafiados dentro de suas casas?

Nesse país, chamado BRASIL, está tudo errado, TUDO! É preciso, que alguém faça alguma coisa urgentemente. O país está sangrando na UTI e o doente não pode esperar muito. Aliás, esperar o que e para que? CHEGA! Falta tudo no Brasil, por que o dinheiro público está sendo roubado e espoliado por quem deveria cuidar com zelo e responsabilidade.

CHEGA, esperar o quê? Cumprir a Constituição dessa forma, onde a própria Constituição, não está sendo cumprida? É aquela história, para os amigos, as benesses, e para os inimigos, a lei! É assim mesmo? Não, não podemos continuar assim, o Brasil está sangrando na UTI, por isso, precisamos antes de qualquer coisa, ELEIÇÕES DIRETAS JÁ, para que possamos retomar a ORDEM e o PROGRESSO e tirar o nosso querido Brasil da UTI e começar um novo tratamento para o nosso pais e o nosso povo.

VIVA UM NOVO BRASIL!

Wilson Braga, 86 anos, a legenda viva da política paraibana! - Por Rui Galdino Filho



 

( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Ontem, antes de iniciar mais um dia de minha jornada de trabalho, fui logo cedo, fazer uma visita ao meu amigo e admirado político paraibano, o ex-governador Wilson Leite Braga. Cheguei no seu apartamento por volta das 08h00 da manhã, e fui lhe dar os parabéns de aniversário, pelos seus 86 anos de vida.

Trabalhei e convivi com Braga, por mais de 20 anos, num relacionamento de muito respeito, harmonia e confiança. Ele, político, eu, assessor. Enfrentamos juntos vários desafios, inúmeras vitórias e algumas derrotas, momentos tristes e alegres, situações de alta e de baixa, enfim, ainda hoje, uma grande aventura, uma bonita amizade.

Sou suspeito para falar de Wilson Braga, porém, na data de ontem, 17 de julho de 2017, o velho e querido, Dr. Wilson, como carinhosamente, sempre lhe chamei e lhe chamo, completou 86 anos de vida, ao lado de outra guerreira política e honrada mulher, Lúcia Braga. Considero Wilson Braga, um dos maiores líderes político e benfeitor da Paraíba e de seu povo, verdadeira legenda viva da política paraibana.

Sertanejo da cidade de Conceição-PB, nascido no dia 18 de julho de 1931, Braga, foi um dos fundadores e residentes da Casa do Estudante em João Pessoa, formou-se em Direito, e exerceu vários mandatos durante toda sua vida pública: vereador, deputado estadual, deputado federal, governador, prefeito de João Pessoa, só não conseguiu se eleger senador, porém, bateu na trave duas vezes, e a bola não entrou!

A carreira política de Braga começou em 1954, quando foi eleito deputado estadual. Passou por várias agremiações partidárias como PSB, ARENA, PDT, PDS, PFL, PSDB, PMDB e PSD. Terminou sua carreira política em 2014, como deputado estadual pelo PMDB, apoiando o atual governador da Paraíba, Ricardo Coutinho.

Braga, foi o governador responsável pelo maior projeto hídrico do estado, denominado PROJETO CANAÃ. Construiu milhares de casas e conjuntos habitacionais por toda Paraíba. Foi o governador, que mais prestigiou o funcionalismo público do estado e também, o político que deu mais emprego e trabalho a muita gente por toda Paraíba. Ainda hoje, tem muita gente que vive muito bem, graças aos empregos e as ajudas de Wilson Braga.

Pena, que muitos esqueceram e abandonaram Braga, tanto na política, quanto na amizade. E ele, sente muito isso ainda hoje. Mas, é como ele me diz, “ É a vida Rui”! Hoje, com 86 anos de muita luta e histórias, apesar de alguns problemas de saúde e também na visão, Wilson Braga, continua firme, forte e feliz ao lado da família, de alguns funcionários antigos, como seu motorista, FRADE e alguns amigos.

Ontem, no restaurante Nau, em Manaíra, na capital paraibana, Braga, comemorou seu aniversário ao lado da família ( Dona Lúcia e sua filha Mariana ), de funcionários e de amigos, entre eles podemos citar: Osvaldo Duda, Newton Soares, Plínio Leite Fontes, Zé Braga, Pereirinha, José Maranhão, Evaldo Gonçalves, Manoel Raposo, Walter Braga, Vani Braga, Assis Camelo, Pedro Adelson, Maurício Leite, Manoel Gaudêncio, Otávio, Napoleão, Euclides Dias de Sá, João Costa, Inácio Gouveia, Zé Gomes, Sérgio Teixeira, eu e o padre Albeni.

Foi um dia muito especial e feliz para Dr. Wilson, ele realmente merece. Em determinado momento, entre telefonemas, fotos, contos e causas, Braga, pegou no meu braço e disse: “ Ô Rui, todo mundo me desejando muitos anos de vida, será que esse povo todo quer mesmo que eu vire lajedo”? KKKKK... Braga, sempre foi irreverente, amigo, simples, humilde e como bom sertanejo, sempre soube valorizar e gostar das pessoas, independente da sua classe social.

Na verdade, Dr. Wilson, chega aos 86 anos, gostando do povo e admirado por muitos! Atravessou a Ditadura e os governos Civis, porém, nunca foi arbitrário e arrogante. Sempre manteve e mantém um gostar respeitoso pelo próximo, principalmente, pelos mais humildes e ainda hoje, se preocupa com o futuro da Paraíba e do Brasil.

VIVA WILSON BRAGA!

ELEIÇÕES/2018: PEDRO, A 5ª VIA QUE PODERÁ SER A PRIMEIRA! POR RUI GALDINO FILHO



( advogado e jornalista )

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. A política é realmente muito dinâmica, e em virtude deste dinamismo, acontecem vários fatos no dia a dia e também muitas especulações. O moído é grande, muitos blefam e ninguém se entende. E o povo, fica acompanhando e assistindo tudo de camarote, esperando a próxima eleição chegar. Mas, depois de tudo que o Brasil vem passando, será que os eleitores vão continuar votando nessa gente toda que aí está?

Pois bem, 2018 se aproxima e as articulações políticas já estão em pleno vapor! Aqui na Paraíba, a OPOSIÇÃO, tem feito um esforço muito grande, para tentar se manter unida. E não só isso, a oposição, está querendo demonstrar para a opinião pública, que está realmente unida e que vão marchar juntos até a próxima eleição. Isso mesmo, não basta apenas estarem unidos, tem que demonstrar de maneira concreta esta tal união.

Mas, como demonstrar isso para o povo, se dentro da oposição, já tem 04 pré-candidatos ao governo do estado? Aliás, agora tem 5, ou seja, apareceu mais um. Quem? O jovem e atuante deputado federal, Pedro Cunha Lima. Pode? Pode sim, por que não? Além dos senadores Cássio (PSDB) e Maranhão ( PMDB) e dos prefeitos Cartaxo ( PSD ) e Romero ( PSDB), que dizem nos bastidores que são pré-candidatos a governador, agora, apareceu mais um, ou seja, a 5ª via dentro da oposição: Pedro Cunha Lima ( PSDB).

Mas, será que esta história de Pedro, como 5ª via, dentro da oposição, tem fundamento mesmo? Não sei! O que sei, é que existe burburinhos dentro da oposição, querendo trazer o jovem Pedro, à tona. Isso, sim. O deputado federal, Pedro Cunha Lima,começa a surgir como mais uma opção, entre os demais, dentro da oposição. Já pensou? Então, como unir esse povo todo desse jeito? Finalmente, o que está por trás de tudo isso?

Na verdade, o jovem deputado Pedro, filho do senador Cássio, tem luz própria, pois, herdou a veia poética de seu saudoso avô paterno, Ronaldo Cunha Lima, bem como o seu carisma político. Pedro, é um jovem político inteligente, estudioso e promissor. Além disso, mesmo sendo filho de Cássio, tem se comportado perante o Congresso Nacional, de maneira diferente e até discordando de seu pai em muitas coisas, por isso, Pedro, é diferente e tem brilho próprio.

Pedro, tem luz e brilho próprios. E indubitavelmente, poderá ser a verdadeira opção da oposição, ou das oposições, afinal, são várias: A oposição de Maranhão, a oposição de Cartaxo, a oposição de Romero, a oposição de Cássio, que agora, se confunde em tese, com a oposição de Pedro Cunha Lima, o filho de Cássio e Silvia. Não brinquem, pois, Pedro, poderá ser o grande fato novo, dentro das oposições, a partir de agora. Será, que vamos reviver em breve, tempos pretéritos, onde se dizia nos quatros cantos do estado: ” O homem é Pedro”!

Pedro, em tese, aparece agora no cenário, como a 5ª via das oposições, aliás, a 4ª via, pois, se assim for, ficará no lugar do pai. E da 5ª via, passando logo para a 4ª via, não demorará muito para assumir o pódio, ou seja, a verdadeira 1ª via das oposições. Essa, será a grande novidade das oposições daqui prá frente: o jovem deputado federal, Pedro Cunha Lima, 30 aninhos de idade, deputado federal mais votado do estado em 2014, com cerca de 180 mil votos, Pedro, pelo que me disseram, está se preparando para mais um desafio, ou seja, ser o candidato das oposições ao governo do estado em 2018.

Enfim, chegou o Novo! Por Rui Galdino Filho



 Enfim, chegou o Novo!

Por Rui Galdino Filho ( advogado e jornalista )


Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Tem muita gente, com interesses diversos, que criticam a quantidade de partidos políticos que o nosso país tem. Porém, para uma democracia mais desenvolvida e plena, quanto mais partidos, melhor. O grande problema, é que os partidos políticos no Brasil, apesar de terem seus programas e estatutos, são quase todos iguais nos seus objetivos e atuações.

Partido político no Brasil, se transformou numa espécie de empresa privada, com dono, CNPJ e objetivos que visam lucros financeiros e vantagens governamentais. Nenhum partido traz algo de novo, diferente e um modelo alternativo para o nosso país. Assim como a maioria dos nossos políticos, os partidos políticos no Brasil, são todos farinha do mesmo saco, ou seja, agem com os mesmos modos operandi. Infelizmente, nada de diferente, até então!

Mas, chegou o PARTIDO NOVO! Espero e desejo que este novo partido, seja realmente um Partido Novo. E para ser NOVO, é preciso ser diferente, confiável e também agir de maneira diferente, para que possa permanecer NOVO o tempo todo. Não basta ser novo apenas na idade. Tem que ser novo em tudo. Por exemplo, tem que ter um programa e um estatuto, que não seja uma cópia dos demais partidos que estão por aí.


O Partido Novo, não basta ser apenas novo, tem que ser diferente, e não permitir filiações de políticos atuais e profissionais, caso contrário, será contaminado com as mesmas práticas espúrias que já conhecemos. Além disso, tem que desenvolver uma campanha em busca de filiados, que se dizem não gostar da política, mostrando para essas pessoas, que o problema não está na política e sim, nos políticos. Um partido que pretenda ser diferente, não pode permitir a participação de filiados ficha suja ou envolvidos em algum tipo de coisa errada.


O novo, não precisa se preocupar com a quantidade de filiados e sim, com a qualidade de seus membros. Deve repudiar e não aceitar a famigerada verba proveniente do fundo partidário, ou seja, dos cofres público da nação. Verba essa, que nutre e alimenta a grande maioria dos partidos políticos no Brasil. Deve inclusive, fazer um movimento e uma campanha para acabar com este vergonhoso fundo partidário, pois, partido político que se preze, deve se desenvolver com a contribuição dos seus filiados.

O verdadeiro filiado, é aquele que tem amor e dedicação pela causa partidária. É aquele que contribui e investe no seu partido como uma bandeira de luta e um meio de transformar a sociedade e realidade em que vivemos, para melhor. O verdadeiro partido político NOVO, tem que ter sua ideologia e lutar por aquilo que acredita. Por isso, não pode ter qualquer filiado em seus quadros.


Finalmente, o partido político que realmente desejar ser novo e diferente, não pode se submeter e ser sub legenda de nenhum outro partido, ou seja, não pode ser legenda de aluguel de seu ninguém. Independente de ter muito ou pouca estrutura, o verdadeiro partido político, tem que figurar e participar sempre com candidaturas majoritárias e proporcionais em toda eleição, pois, partido político que não lança candidatos, é como time de futebol sem torcida, para nada serve a sua existência.


Espero que o novo partido, denominado Partido Novo, realmente se apresente para o Brasil de maneira diferente. E não precisa ser especial, basta fazer a coisa certa e lutar por um Brasil melhor, mais justo, mais solidário, sem corrupção e safadeza. E se um dia chegar ao poder, que não se empolgue e tenha a consciência de que o poder não é eterno, porém, enquanto tiver no poder, use o poder para fazer as verdadeiras transformações, reformas e mudanças que o povo brasileiro tanto almeja.

Tenho pena e tristeza, quando vejo tanta gente e partidos chegarem ao poder e nada ou quase nada fazerem em benefício do povo. Usam o poder para se locupletarem em benefício próprio e de grupos. Usam o poder como meio de vida para fazer patrimônio e arrecadar dinheiro para futuras campanhas eleitorais, etc. Que tristeza! É por isso, que o nosso país está mergulhado nesse mar de lama.

O Brasil precisa cortar pela metade sua máquina pública, pois, é cara, ineficiente , burocrática e corrupta. O Estado brasileiro para funcionar melhor, precisa diminuir o seu tamanho e intervir menos na economia. Políticas sociais eleitoreiras e que visam um projeto de poder e não de governo, precisam ser revistas e aperfeiçoadas, etc, etc, etc.

Que o Partido Novo, não tenha medo de mostrar sua cara, diga a que veio, seja diferente, seja audacioso, republicano, criativo e honesto em suas atitudes e objetivos. Que em 2018, o Partido Novo, lance candidato à presidência da república, à governadores de estados, à deputados estaduais, federais e senadores. Diga ao povo brasileiro e paraibano, que o Partido Novo, veio para lutar por um Brasil novo, pois, apesar de tudo, ainda existem pessoas de bem e honestas em nosso país. Esse é o caminho…


Viva o Partido Novo!

Sidebar Menu