Prefeitura abandona obra do Conventinho no Varadouro



A gestão de Luciano Cartaxo vem se notabilizando durante esses seis anos, apenas em obras pontuais como a Lagoa e Praça da Independência, além de algumas creches, cujo números elevados que sempre apresentanas publicidades,  jamais foram efetivamnte comprovados.

O fato é que é muito pouco para um gestor de uma capital, que pretende explorar a sua maior atração e talvez a única, o seu forte potencial turistíco, que mesmo as duras penas e com todas as dificuldades encontradas, felizmente vêm atraindo grandes levas de turistas.

Para se ter uma ideia da má gestão, durante todo seu primeiro mandato, o Prefeito Luciano Cartaxo, calçou e pavimentou tão somente 39 ruas na capital e só para fazer um comparativo, o Governador Ricardo Coutnho para não causar embaraços ao Bairro de Mangabeira, quando da construção do Trevo das Mangabeiras, calçou ali 100 ruas para ajudar a escoar o trânsito.

Outra questão que se arrastou durante todo seu primeiro mandato, foi a construção já devidamente autorizada em duas Plenaria da propria Prefeitura, do Parque Parahyba, para lazer e esportes dos moradores do Bessa e mais quatro bairros, tendo ele Cartaxo jamais recebido os representares dos bairros para tratar sobre tal tema, o que obrigou o Governador Ricardo Coutinho, a pedido do então secretáario João Azevedo, avocar para si tal obra e em tempo recorde constriuiu as duas etapas do Parque Parahyba, tendo depois até difilcudades para repassar tais equipamentos para a Prefeitura de João Pessoa, já que o Prefeito certamente contrariado, se recusava a cuidar de tais espaços. sendo obrigado os moradores a acionarem o Ministério Publico. O abandono é tão proposital que jamais a guarda municipal estve ali, o que ocasionou esses dias o furto de toda fiação da rede eletrica, sendo a Prefeitura obrigada a repor todos os fios, num prejuizo incalculavel para os cofres públicos.

Outra obra que se arrasta é a ponte da Avenida José Américo de Almeida, já denominada pelo povo de Ponte Matusalem, considerando quase seis anos do seu inicio, sem quem tenha sido concluída até agora, superando no quesito tempo, a construção da gigantesca obra da Ponte Rio/Niteroi, cuja ponte - boa parte da sua construção ocorreu em pleno mar - tendo tal ponte vários quilomentors, enquanto a nossa, tem pouco mais de 70 metros.

Mas a lerdeza dessa gestão Cartaxo não para por ai, pois o mesmo depois de muito tempo iniciou em 2016 a reforma do Conventinho no Bairro de Varadouro, num valor aproximado de 3 milhões de reais, colocando na placa da obra, o tempo de 365 dias para o seu término, o que não aconteceu, pois até hoje tal reforma se encontra sem conclusão, e o pior, abandonada, pois não se observa ali nenhum operário trabalhando. Pelo visto será outra obra que ficará para as calendas gregas.

 

.

 

 

 

  

Pra não dizer que não falei de flores - Ramalho Leite



Tenho ocupado esse espaço para uma volta ao passado ao invés de incursionar pelo presente. Não por alienação ou omissão, mas por vocação: amo a pesquisa e exalto a memória histórica como lições de antanho para nortear o futuro. Assim atravessamos a metade de um novo ano com a esperança nascente de que, nos próximos, a vida melhore e as flores voltem a exalar seus melhores perfumes.

Testemunhamos, ao longo desse período, uma invasão traumática às entranhas da Nação, revelando excrementos acumulados e acobertados pelo disfarce, a simulação, a impostura ou a fraude. “Nunca na história deste País” os olhos e os ouvidos de todos foram tão ofendidos pela ação nefasta de uns poucos que se protegiam com a certeza da impunidade. O império da lei prevaleceu e a Justiça invadiu territórios jamais acessados. Se antes apelavam aos quartéis e colocavam os tanques nas ruas, agora se preferiu acreditar “nas flores vencendo os canhões”. A democracia só floresce na paz.

Está por demais justificada a razão pela qual preferi compor os meus textos com a pesquisa e aproveitar da história seus aspectos mais pitorescos e inusitados, chegando ao burlesco. Preferi Pedro II como amante da Condessa de Barral, presente às aulas de suas filhas, ao tempo em que namorava ostensivamente a preceptora. As peripécias de Pedro I, visitando as mais variadas alcovas e requisitando companhia intima desde as senzalas aos conventos, passaram por este recanto de página. Getúlio Vargas ameaçou por várias vezes o suicídio e o cometeu quando ninguém esperava. Foi um amante apaixonado pelo Brasil e pelas belas mulheres. No advento da República, o herói não teria sido Deodoro mas o seu cavalo. Pelo feito de conduzi-lo, permaneceu até o fim da vida com direito a fartura de feno e a honrosa aposentadoria. Foi o inventor da sinecura.

Lancei no ano passado um novo livro a que denominei “Gente do Passado Fatos do Presente” e cuidei de me explicar: “quem já me conhece sabe que costumo colocar em fatos sérios um pitada de humor, dourar com ironia atitudes muitas vezes equivocadas e criticar com acidez atos que incomodam a perspicácia desse ativista político que já exerceu mandatos, ajudou outros a conquistá-los e, por isso mesmo acumulou a experiência que o transformou em um gestor público requisitado por vários governos”. Com o perdão da imodéstia, quem se dá ao trabalho de ler o que escrevo haverá de concordar com esse perfil.

A rememoração de fatos pretéritos é para mim uma forma de, ao lembrá-los, transmitir a certeza de que estou aprendendo e “ensinando uma nova lição”, para repetir Geraldo Vandré, que este ano revisitou a sua Paraíba. Nunca a pregação de sua canção esteve tão presente e necessária, a incutir na mente dos brasileiros o desejo de mudança. Que cada um faça a sua parte: “vem, vamos embora que esperar não é saber/quem sabe faz a hora não espera acontecer”.

Que o sete de outubro chegue logo!

(Enquete) Lula é o presidenciável mais rejeitado pelos internautas: 44% não votaria nele



 O site Bastidores da Política PB realizou, dos dias 18 a 22 de junho, uma enquete na qual questionou seu público com a pergunta: se as eleições fossem hoje, qual dos nomes você NÃO votaria para presidente?

Em primeiro lugar de rejeição ficou o ex-presidente preso, Luis Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores, com 144 votos (44%). Já o segundo lugar ficou com o presidenciável pelo PSL, Jair Bolsonaro, que atingiu 120 votos (37%).

Ciro Gomes e Geraldo Alckmin figuraram em terceiro e quarto lugar, respectivamente.

Álvaro Dias, Manuela D’avila, Flávio Rocha, Levy Fidelix e João Amoedo não pontuaram na pesquisa, ficando entre 1 e 0 votos.

A enquete recebeu um total de 326 votos.

 

Veja o resultado completo:

Intercâmbio internacional - Governo do Estado divulga resultado



GOVERNO DO ESTADO DIVULGA RESULTADO FINAL DO PROGRAMA GIRA MUNDO ESTUDANTE
BASTIDORES DA POLÍTICA PB 

Foto José Marques
O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação (SEE), divulgou o resultado final da segunda etapa dos estudantes selecionados no programa de intercâmbio internacional Gira Mundo Estudante, na noite dessa quinta-feira (21). Nesta etapa foram anunciados os 25 alunos selecionados para Portugal, 100 para o Canadá, 50 para a Espanha e 25 para a Argentina, totalizando 200 estudantes. Mais de 60 municípios foram contemplados. Todos os candidatos selecionados e suplentes serão convocados para a última etapa que será uma avaliação psicossocial.

No último dia 11, foi divulgado o resultado preliminar, ainda sem a relação dos aprovados para Portugal. O resultado final da segunda está disponível no endereço eletrônico www.paraiba.pb.gov.br/educacao/giramundo. Em 2016 foram ofertadas 50 vagas para o Canadá. No ano de 2017 foram oferecidas 100 vagas, sendo 50 para o Canadá, 25 para Espanha e 25 para Portugal.

O Programa – O programa Gira Mundo modalidade estudante é voltado para os alunos matriculados na segunda série do Ensino Médio, no sentido de oportunizar o desenvolvimento linguístico e a interação com novas culturas e métodos de ensino, que, ao regressarem, tornar-se-ão multiplicadores do Programa em suas regiões; e desenvolver ações voltadas ao aprimoramento da educação no estado da Paraíba. O objetivo é motivar os alunos da rede pública estadual de educação na busca de melhor formação e desempenho na escola.

Os estudantes, durante sua estada, residem em casa de famílias nativas e cursam um semestre letivo em escolas de nível médio. Os aprovados recebem bolsa auxílio. As passagens, emissão de passaporte e visto, moradia, alimentação, transporte e seguro saúde para intercambistas, em um período de cinco meses (um semestre letivo), bem como todos os serviços supracitados, são de responsabilidades da empresa de intercâmbio licitada.

Esclarecimento – A comissão de seleção do Programa Gira Mundo esclareceu que, no dia 11 de junho de 2018, foi divulgado o resultado preliminar de classificação para o Canadá, Espanha e Argentina. Entretanto, a nota final de cada candidato foi calculada de forma equivocada, pois a nota referente ao exame de proficiência estava sendo considerada em uma escala de 0 a 10. Por outro lado, a nota referente à 1ª etapa estava em uma outra escala, de 0 a 100.

Explicou ainda que, dessa forma, a nota atribuída ao exame de proficiência estava com o valor 10 vezes menor que o da 1ª etapa, prejudicando a nota final, a qual consiste na soma das duas notas, não havendo qualquer distinção entre o peso atribuído as fases. Sendo assim, tornou-se necessária a republicação do resultado com a referida correção, o que foi feito no dia 13 de junho de 2018, data inicialmente prevista para publicação do resultado preliminar. A comissão se responsabilizou pelo equívoco ocorrido e esclareceu que todos os que se sentiram prejudicados puderam apresentar recurso, no prazo previsto no cronograma publicado.

Em Borborema, João Azevêdo prestigia São João e une situação e oposição em torno de sua pré-candidatura



O pré-candidato a governador João Azevêdo (PSB) deu início a maratona de visitas pelo município de Borborema, no Brejo paraibano, prestigiando o “São João Vespertino” no Arraiá do Camucá na tarde desta sexta-feira (22). João foi recebido pelas lideranças políticas de situação e oposição entre elas a prefeita Gilene Cândido (PTB), a ex-prefeita Paula Maranhão (PSB), e seu esposo o ex-prefeito Zé Maranhão e pelos vereadores Lero, Dilsinho, Neto Galdino, Laercio, Paula Leite e Toinho Moral.

João Azevêdo recebeu o carinho da população da região que veio prestigiar o São João no município que há dois anos vem sendo realizado no período da tarde criando mais uma opção para a população e turistas. “Quero agradecer a forma calorosa que fui recebido pela prefeita Gilene, pela ex-prefeita Paula, lideranças locais e pela população. “Fico animado com iniciativas inteligentes como a adotada pela prefeitura de Borborema em promover um grande festejo junino no período da tarde, criando um circuito onde todos ganham, já que outros municípios realizam os festejos à noite e fortalecendo o turismo na região”.

João Azevêdo destacou que o município de Borborema continuará sendo atendido pelas obras e ações do governo do Estado como exemplo o recapeamento asfáltico do acesso e a obra de construção do campo de futebol que será iniciada em julho para que o município volte a promover o grande campeonato que já realizou no passado.

A prefeita Gilene Cândido considerou de fundamental importância a visita de João Azevêdo ao São João do município e trazendo boas notícias como o rejuvenescimento asfáltico, já iniciado e o início da construção do campo de futebol. “A população agradece ao empenho de João Azevêdo ao longo dos últimos 7 anos no governo e reafirmamos o nosso apoio para que o trabalho continue a beneficiar os pequenos municípios e a região do Brejo”.

A ex-prefeita Paula Maranhão afirmou que João Azevêdo representa a continuidade do trabalho desenvolvido por Ricardo Coutinho e independente das diferenças políticas entre grupos locais é preciso lutar para que esse modelo de gestão possa continuar. “Sempre estive ao lado de Ricardo Coutinho e de João e vou continuar lutando pelas obras em benefício do nosso município”.

blogdotiaolucena.com.br

 

Sidebar Menu